Coronavírus

A importância da prevenção de delirium em idosos na COVID-19

A importância da prevenção de delirium em idosos na COVID-19

Compartilhar

Sanar Medicina

5 minhá 38 dias

Na pandemia que vivemos, os indivíduos idosos foram, sem sombra de dúvidas, os mais afetados. Para se ter uma ideia, pessoas acima de 65 anos compõem 9% da população mundial, mas contabilizam de 30% a 40% dos casos de COVID-19.

No início de Março, um relatório da CDC (Centers for Disease Control and Prevention) reportou que das 494.235 mortes nos EUA por COVID-19, 400.228 (81%) aconteceram em indivíduos acima de 65 anos. Durante a pandemia, o delirium foi reconhecido como uma complicação da COVID-19, e sua importância foi reconhecida devido a sua alta prevalência e associação com mortalidade. 

O que é delirium e qual sua frequência na COVID-19

O delirium é reconhecidamente uma falência cerebral aguda, que se apresenta comumente em qualquer doença grave em idosos. Diante desta definição, é fácil compreender porque o delirium está associado à COVID-19. 

Dados recentes apontam ocorrência de delirium variando entre 25% a 37% em idosos internados fora do ambiente de cuidados intensivos, e mais de 65% naqueles internados na Unidade de Terapia Intensiva. 

Etiologia do delirium na COVID-19

A principal contribuição para a ocorrência de delirium em pacientes com COVID-19 parece advir da tempestade inflamatória e desregulação imunológica, responsável por causar neuroinflamação (tecido cerebral e meninges), bem como estado de hipercoagulabilidade, que contribui para infarto cerebral.

Além do dano direto causado ao sistema nervoso central, a manifestação grave da COVID-19 está associada com disfunção de múltiplos órgãos e desarranjos metabólicos. 

Por fim, podemos citar diversos outros fatores que podem estar envolvidos na etiologia do delirium na COVID-19: uso de medicações com efeitos psicoativos, ventilação mecânica, internação em UTI, imobilidade, desnutrição, isolamento social, estresse emocional. 

O ambiente hospitalar favorece ocorrência de delirium na COVID-19

Além dos fatores relacionados à doença em si, algumas características peculiares ao manejo hospitalar da COVID-19 também favorecem a ocorrência de delirium. 

Por exemplo, a ausência de familiares e/ou cuidadores no leito, ao lado dos pacientes, que normalmente proveria conforto, resultou em isolamento social extremo para estes doentes. 

Somado a isto, a equipe de profissionais de saúde, frequentemente estressada e completamente paramentada com equipamentos de proteção individual, escondendo suas faces e abafando suas vozes, tornou o contato e a comunicação humana ainda mais difícil para os idosos.

Intervenções possíveis 

No contexto da pandemia, é necessário prestar maior atenção à ocorrência do delirium em idosos internados com COVID-19. As causas reversíveis devem ser reconhecidas e tratadas.

Abordagens que visem a prevenção e o manejo da condição devem ser incorporadas nos protocolos clínicos de tratamento.

Algumas ferramentas também podem ser utililizadas para minimizar a distância humana, como por exemplo o uso de vídeo chamadas para realizar visitas remotas com membros familiares do paciente. 

Um programa de prevenção do  Hospital Elder Life Program foi desenvolvido com diversas intervenções possíveis para prevenção do delirium pode ser visualizada na imagem abaixo:

Intervenções por Delirium em idosos durante a pandemia
Fonte: The Importance of Delirium and Delirium Prevention in Older Adults During Lockdowns – JAMA Network

Conclusão

Dada a vulnerabilidade dos idosos frente à COVID-19, bem como a alta prevalência e mortalidade associada a ocorrência de delirium nesta população, este tema se mostra de suma importância na prática clínica médica. 

A habilidade de reconhecer e maneja-lo irá afetar os desfechos destes pacientes.

O Delirium, como sexta causa mais comum de apresentação dos idosos com COVID-19, deve ser pesquisado ativamente em todos indivíduos desta população, e as intervenções não farmacológicas permanecem como as mais importantes na prevenção e manejo da condição. 

Posts relacionados:

Referências

The Importance of Delirium and Delirium Prevention in Older Adults During Lockdowns – JAMA Network

Compartilhe com seus amigos:
Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.