20th National Voice Campaign

20th National Voice Campaign

Autores:

Gustavo Polacow Korn,
Marcos André de Sarvat

ARTIGO ORIGINAL

Brazilian Journal of Otorhinolaryngology

versão impressa ISSN 1808-8694versão On-line ISSN 1808-8686

Braz. j. otorhinolaryngol. vol.84 no.6 São Paulo nov./dez. 2018

http://dx.doi.org/10.1016/j.bjorl.2018.09.001

O Brasil comemorou em 16 de abril de 2018 a 20a Edição da Campanha da Voz. Iniciada em 1999, ganhou reconhecimento internacional a partir de 2003 na forma de Dia Mundial da Voz - World Voice Day) e atualmente mais de 100 países adotaram a data brasileira. Idealizada pelo Prof. Nédio Steffen, a Campanha/Semana Nacional da Voz é o maior evento social da otorrinolaringologia brasileira.

Nas duas primeiras edições, a campanha contou com a atuação conjunta de médicos, fonoaudiólogos e profissionais do canto. Essa importante parceria se reduziu ao longo dos anos e certamente todos percebemos a necessidade de retomá-la. Em algumas edições, dezenas de serviços por todo o país voluntariamente participaram e ofereceram atendimento gratuito à população durante toda a Semana da Voz, com o foco no diagnóstico precoce do câncer de laringe e detecção de alterações, e agilizaram a abordagem terapêutica. Ressaltemos que o Brasil persiste com uma incidência muito elevada dessa neoplasia. A estimativa neste ano é de 7.670 casos novos.1

Ao longo desses 20 anos, nos mantivemos focados no objetivo maior da Campanha da Voz, que consiste, por meio de ações de orientação e conscientização, em promover sensibilização permanente em relação aos cuidados com a voz. Cada ano significa mais um tijolo na construção e fixação dessa mensagem de alerta - preventiva e terapêutica. Não podemos deixar de destacar e registrar (e novamente agradecer!) a colaboração gratuita de personalidades de grande destaque nacional, como Xuxa, Sylvia Massari, Gabriel, o Pensador, Toni Garrido, Fernanda Abreu e Patrícia Pillar (1999), Leila Pinheiro, Marília Pera, Thalma de Freitas, Flávia Monteiro, Tande, Parreira e Bernard (2001), Pelé e Assíria (2003), Lima Duarte (2004), Edson Celulari e Cláudia Raia (2005), Andrea Beltrão (2006), Tarcísio Meira e Glória Menezes (2007), Fagner (2008 e 2009), Cláudia Leite (2010), Daniela Mercury (2011), Deborah Secco (2012), Sandy Leah (2013), Fernando e Sorocaba (2014), Doutores da Alegria (2015), Wendel Bezerra (2016) e o Clube da Voz (2017). Foi graças à sua credibilidade e generosidade que conseguimos, nós todos e nossas associações, orientar e atender cada vez mais cidadãos, mais precoce e eficazmente.

Desde 2010, foi desenvolvida uma estrutura inflável, a laringe gigante, na verdade uma boca-faringe-laringe gigante, na qual os visitantes podem entrar e aprender sobre como é a garganta e como a voz é produzida, numa montagem que representa uma grande marca da nossa campanha. A estrutura foi modificada duas vezes e nesses anos foi o destaque da campanha. Ao longo dos anos, milhares de pessoas, inclusive crianças, visitaram nosso inflável (figs. 1 e 2). E neste 2018, em que comemoramos a 20a Campanha, obtivemos um destaque especial, com a participação em memoráveis mensagens para TV e mídias sociais dos voluntários Ney Matogrosso, Elisa Lucinda, Maya Gabeira e Pedro Scooby, Geraldo Azevedo, Marisa Orth e Márcio Seixas.

Figura 1 Visão externa no inflável da laringe gigante. 

Figura 2 Visão do interior do inflável da laringe gigante, onde as crianças observam as pregas vocais. 

O ano de 2018 foi histórico por muitos motivos: quase duas centenas de centros cadastrados, entre hospitais públicos e clínicas particulares, com atendimento à população entre 16 e 20 de abril; mais de 3.000 formulários de atendimento enviados; uma linda cerimônia de abertura no Museu do Amanhã no Rio de Janeiro; união histórica que envolveu a ABORL-CCF (Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial), ABLV (Academia Brasileira de Laringe e Voz), SBCCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço), INCA (Instituto Nacional do Câncer)/Ministério da Saúde, Associação de Câncer de Boca e Garganta (ACBG), Associação Brasileira de Canto (ABC), Fundação Otorrinolaringologia (FORL) e Instituto de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço (IOCP); o grande foco deste ano foi oferecer conscientização e atendimento da população, exame para avaliação de boca, faringe e laringe (trato vocal), de forma gratuita, buscamos dar sequência, encaminhar quando necessário para tratamento especializado. Em suma, destacamos que 2018 representou um investimento financeiro recorde e conseguimos alcançar dezenas de milhões de cidadãos deste país continental com nossas orientações de higiene vocal e diagnóstico precoce de enfermidades. Hoje, muitos mais sabem da importância de conhecer as causas de dor na garganta, pigarro, dificuldade para engolir e rouquidão!

Ambos os autores atuamos na coordenação nacional e pudemos contar com o empenho de coordenadores estaduais, cuja colaboração foi essencial para fazermos todos desta Campanha 2018 um evento marcante e aos quais agradecemos especialmente, assim com ao Dr. Hugo Lisboa Ramos, vice-presidente da ABLV, e ao dedicado staff da ABORL-CCF, em especial ao Sr. Renato Batista Sebastião, gerente de mais de 10 edições da Campanha Nacional da Voz.

Agradecemos a oportunidade e confiança de termos podido coordenar a Campanha Nacional da Voz! Foi enorme honra e prazer e podemos anunciar: preparem-se todos para campanhas cada vez melhores, que destaquem a importância da especialidade em todos os seus campos de atuação! Afine sua saúde! Cuide da sua voz!

REFERÊNCIAS

1 Câncer de Laringe [INCA]. Available at: [accessed 10.09.18].
Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.