Associações Rhizobium - Leguminosas no Estado de Rondõnia

Associações Rhizobium - Leguminosas no Estado de Rondõnia

Autores:

Fátima M. M. Magalhães,
Marlene F. da Silva

ARTIGO ORIGINAL

Acta Amazonica

Print version ISSN 0044-5967On-line version ISSN 1809-4392

Acta Amaz. vol.17 supl.1 Manaus 1987

https://doi.org/10.1590/1809-43921987175017

RESUMO

Verificou-se a ocorrência de nodulação em mudas e/ou individuos adultos de 54 es-pécies da familia Leguminosae em áreas de floresta intacta e áreas perturbadas,no Estado de Rondônia. Das espécies observadas: Acácia polyphylla Á. DC., Amburana acreana (Ducke) A. C. Smith, Babieria pinnata (Pers.) Baill., Bauhinia acreana Harms., Bauhiniu longicuspÍ4 Spr. ex Benth., Cassia fastuosaWilld., Dalbergia inundata Benth., Derris ama zonica Kiiiip, Hymenaea reticulata Ducke, Machaerium inundaium (Mart. ex Benth.) Ducke, Mimosa rufescens Benth., Mimosa spruceana Benth., Parkia decussata Ducke, Schizolobium amazonicum Hub. ex Ducke, Stryphnodendron puicherrimum(Willd.) Hochr., não tinham refe-rências anteriores na literatara Quanto a sua capacidade de nodular. Em Amburana acreana (cerejeira), Schizolobium amazonicum (bandarra) e Dinizia exceisa (angelim-pedra), es pé cies madeireiras economicamente importantes para a região, não foram encontrados nodo-lus. Nódulüs de 29 espécies foram coletados e na maioria deles as atividades de nitro-genase foi. detectada pelo método de redução do acetileno. Caracteristicas de estirpes de Rhizobium isoladas desses nÓdulos são apresentadas.

Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.