Biologia reprodutiva do Camarão Macrobrachium brasiliense (Heller, 1862) (Crustacea: Decapoda: Palaemonidae) em Igarapés de terra firme da Amazônia Peruana

Biologia reprodutiva do Camarão Macrobrachium brasiliense (Heller, 1862) (Crustacea: Decapoda: Palaemonidae) em Igarapés de terra firme da Amazônia Peruana

Autores:

Carmen Rosa GARCÍA-DÁVILA,
Fernando ALCANTÁRA Β.,
Elvis VASQUEZ R.,
Miquel CHUJANDAMA S.

ARTIGO ORIGINAL

Acta Amazonica

Print version ISSN 0044-5967On-line version ISSN 1809-4392

Acta Amaz. vol.30 no.4 Manaus Dec. 2000

https://doi.org/10.1590/1809-43922000304664

RESUMO

Foi estudada a biologia reprodutiva de Macrobrachium brasiliense (Decapoda: Palaemonidae) com base em 2604 indivíduos coletados entre outubro de 1994 e agosto de 1995, em dois igarapés de terra firme da estrada Iquitos-Nauta, Loreto (Amazônia peruana). A proporção sexual fêmea: macho foi de 1,7:1 sendo que as fêmeas foram um pouco mais abundantes que os machos durante todo o período de coleta. M. brasiliense apresentou dimorfismo sexual no comprimento cefalotorácico, sendo as fêmeas ligeiramente menores que os machos. A reprodução foi contínua, com o pico reprodutivo entre abril e julho. A fecundidade variou de 15 a 168 ovos por fêmea, observando-se uma relação significativa entre a fecundidade e o comprimento cefalotorácico e o peso. O volume do ovo não apresentou relação significativa com o comprimento cefalotorácico e a fecundidade.

Palavras-Chave: Decapoda; água doce; reprodução; Amazônia; Peru

ABSTRACT

The reproductive biology of Macrobrachium brasiliense (Decapoda: Palaemonidae) was studied based on 2,604 specimens collected from October 1994 to August 1995, in two forest streams along the Iquitos-Nauta, highway in Loreto (Peruvian Amazon).The female: male sex ratio was 1.7:1. M. brasiliense showed sexual dimorphism in the cephalotorax length, females being slighthly smaller than males. Reproduction was contínuos with a reproductive peak between April and June. Fecundity ranged from 15 to 168 eggs per female. A significant relationship was observed between fecundity and cephalotoraxic length and the weight. Egg volume presented no significant relationship with cephalotoraxic length or fecundity.

Key words: Decapoda; freshwater; reproduction; Amazon; Peru

Texto disponível apenas em PDF
Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.