Inovação da assistência pré-natal a partir de uma tecnologia centrada no usuário

Inovação da assistência pré-natal a partir de uma tecnologia centrada no usuário

Autores:

Patrícia Moreira Collares

ARTIGO ORIGINAL

Interface - Comunicação, Saúde, Educação

versão On-line ISSN 1807-5762

Interface (Botucatu) vol.18 no.50 Botucatu jul./set. 2014

http://dx.doi.org/10.1590/1807-57622014.026

Uma tecnologia da qual se possa lançar mão para inovar na assistência encontrará sempre receptividade por parte dos profissionais, bem como ambiente propício para sua aplicação na rede de atenção básica.

Como resultado de uma tese de doutorado, uma pesquisa centrada em usuários, criou-se uma tecnologia de informação utilizando-se as plataformas Web e Android, com o recurso de imagens do processo gestacional, animadas e associadas às expressões técnicas e culturais. As informações são disponibilizadas em multimídia (texto, vídeo, áudio, animações e imagens) e retratam as alterações anatomofisiológicas e os cuidados com o corpo da gestante, bem como uma agenda dinâmica acerca das rotinas do pré-natal individualizadas para cada mulher, sendo esta mediada por um sistema especialista.

O sistema desenvolvido recebeu o nome de “Mamãe dia a dia”. Este oferece o serviço dentro das melhores práticas da área de engenharia de software, como escalabilidade, robustez, usabilidade e manutenibilidade, e, sobretudo, atende às necessidades dos usuários, identificadas a partir das entrevistas previamente aplicadas. Os requisitos técnicos utilizados foram: o servidor Apache como balanceador de carga e servidor HTTP, o Apache Tomcat como servidor de aplicação J2EE (no qual fica a aplicação), e o PostgreSQL como Gerenciador do Banco de Dados (local de armazenamento dos dados resguardados). De modo específico, para o desenvolvimento do aplicativo Web, utilizou-se a linguagem Java Server Faces - JSF, que é um framework JAVA para a Web, apoiado pelos frameworks Spring e Hibernate.

Para a criação da tecnologia em foco, inicialmente, foram entrevistados 16 enfermeiras do pré-natal e quatro gestores da Estratégia Saúde da Família, bem como 24 gestantes atendidas nas unidades básicas de saúde distribuídas em diferentes bairros da cidade de Fortaleza, estado do Ceará. Essa fase fundamentou-se, metodologicamente, nas narrativas, permitindo uma visão ampla das demandas, bem como uma sequência ordenada, finita e cronológica acerca do pré-natal e das necessidades informacionais das gestantes, assim como de inovações tecnológicas nesse referido serviço.

Durante o desenvolvimento desta tecnologia, foram percorridos procedimentos de análise no intuito de certificar sua facilidade de aplicação por profissionais de saúde, ao mesmo tempo em que se atestou provisionar, às gestantes, informações contextualizadas acerca do corpo gravídico e dos cuidados na condução do pré-natal por meio de multimídias acessíveis e para diferentes plataformas. Tem relevância adicional ao contribuir na qualidade e na organização do serviço na rede de atenção básica em saúde, com enfoque no pré-natal.

Mantém-se a consciência de que o produto tecnológico obtido necessita, ainda, ser submetido a extensiva validação como uma tecnologia que mereça ser transferida para os serviços de saúde e ser utilizada pelos seus atores sociais-alvo (profissionais e gestantes).

Destarte, admite-se seu potencial para favorecer um maior conhecimento e gerência do corpo gravídico pela mulher, com pretensões de melhoria das condições de vida e saúde do binômio mãe-filho.

Termos de Uso | Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.