Compartilhar

Os argulídeos (Crustacea: Branchiura) da Amazônia Brasileira. Aspectos da ecologia de Dolops discoidalis Bouvier, 1399 e Dolops bidentata Bouvier, 1899.

Os argulídeos (Crustacea: Branchiura) da Amazônia Brasileira. Aspectos da ecologia de Dolops discoidalis Bouvier, 1399 e Dolops bidentata Bouvier, 1899.

Autores:

José Celso de Oliveira Malta

ARTIGO ORIGINAL

Acta Amazonica

Print version ISSN 0044-5967On-line version ISSN 1809-4392

Acta Amaz. vol.12 no.3 Manaus July/Sept. 1982

https://doi.org/10.1590/1809-43921982123521

Resumo

A especificidade parasitária, áreas de fixação, hospedeiros naturais, índices de infestação e variação sazonal de Dolops discoidalis e d. bidentata foram estudados durante o período de março de 1979 a março de 1980, na área do Janauacá, um lago de várzea da Amazônia Central. A sazonalidade revelou um estreito relacionamento com a variação do nível da água, sendo que os picos máximos de infestação de D. discoidalis e D. bidentata ocorreram na estação do rio cheio (junho, julho) e os picos mínimos na estação de seca (outubro, novembro). Ambas as espécies apresentaram baixa especificidade parasitária; o D. discoidalis foi encontrado parasitando oito espécies de peixes e o D. bidentata seis. A primeira espécie apresentou uma nítida preferência por peixes de couro (Siluriformes) e a segunda por peixes de escamas. Ambas as espécies foram encontradas parasitando a superfície externa do corpo de seus hospedeiros.

Summary

Host specificity, attachment sites, infection rates and seasonal variation of Dolops discoidalis and D. bidentata were studied during a one-year period, from March, 1979, to March, 1980, in the vicinity of Janauacá a "varzea" lake in Central Amazonia. Seasonal variation was found to be closely related to water levels with maximun peaks of infestation for both species occurring during high water (June & July), and minimun peaks during low water (October & November). Both species showed low host specificity; D. discoidalis was found to parasitized eight species of fish and D. bidentata six. The first of the specie showed a marked preferece for amooth-skinned fishes while the second was more often collected on scaly fishes. Both species parasitized the external surfaces of their hosts.