TC multidetectores no diagnóstico de fístula broncopleural

TC multidetectores no diagnóstico de fístula broncopleural

Autores:

Bruno Hochhegger,
Gláucia Zanetti,
Edson Marchiori

ARTIGO ORIGINAL

Jornal Brasileiro de Pneumologia

versão impressa ISSN 1806-3713versão On-line ISSN 1806-3756

J. bras. pneumol. vol.43 no.4 São Paulo jul./ago. 2017

http://dx.doi.org/10.1590/s1806-37562016000000233

Um homem de 55 anos de idade sofreu ressecção do lobo superior direito depois de sofrer uma lesão no peito em um acidente de carro. Um escape aéreo persistiu por 5 dias após a cirurgia. No décimo quinto dia pós-operatório, o paciente foi encaminhado para nosso serviço de emergência por dificuldade respiratória. Ao exame, confirmou-se que o paciente apresentava dificuldade respiratória leve; a FR era de 25 ciclos/min e a FC era de 98 bpm. O exame do sistema respiratório revelou enfisema subcutâneo e ausência de sons pulmonares no hemitórax direito. Uma radiografia de tórax mostrou hidropneumotórax à direita. A TC multidetectores confirmou esse achado, e a reconstrução multiplanar demonstrou a presença de uma fístula broncopleural no segmento anterior do lobo inferior direito (Figura 1). O manejo da lesão foi realizado por cirurgia toracoscópica videoassistida e uso de antibióticos.

Figura 1 Reconstrução coronal curva de TC mostrando uma fístula broncopleural no segmento anterior do lobo inferior direito. 

Já foi documentado que a persistência de fístulas broncopleurais leva a morbidade e mortalidade significativas.1-3 O escape aéreo prolongado dessas lesões é frequentemente observado,1-3 e vários procedimentos foram propostos para o tratamento dessa complicação. Inovações recentes incluem o uso de válvulas endobrônquicas. A TC multidetectores pode ser uma ferramenta importante para a identificação precisa dos brônquios responsáveis pelo escape aéreo nos casos de fístulas broncopleurais.

REFERÊNCIAS

1 El-Sameed Y, Waness A, Al Shamsi I, Mehta AC. Endobronchial valves in the management of broncho-pleural and alveolo-pleural fistulae. Lung. 2012;190(3):347-51.
2 Alloubi I, Jougon J, Delcambre F, Baste JM, Velly JF. Early complications after pneumonectomy: retrospective study of 168 patients. Interact Cardiovasc Thorac Surg. 2010;11(2):162-5.
3 Abu-Hijleh M, Blundin M. Emergency use of an endobronchial one-way valve in the management of severe air leak and massive subcutaneous emphysema. Lung. 2010;188(3):253-7.
Termos de Uso | Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.