VARIAÇÃO SAZONAL DE SULFATO, ENXOFRE TOTAL E MATÉRIA ORGÂNICA NO GÊNERO HUMIRIANTHERA,EM FUNÇÃO DA IDADE

VARIAÇÃO SAZONAL DE SULFATO, ENXOFRE TOTAL E MATÉRIA ORGÂNICA NO GÊNERO HUMIRIANTHERA,EM FUNÇÃO DA IDADE

Autores:

Maria de Jesus Coutinho Varejão,
Maria das Graças Bichara Zoghbi,
Renato Eugênio Oliveira Diniz,
Maria Nilce de Sousa Ribeiro

ARTIGO ORIGINAL

Acta Amazonica

Print version ISSN 0044-5967On-line version ISSN 1809-4392

Acta Amaz. vol.22 no.3 Manaus July/Sept. 1992

https://doi.org/10.1590/1809-43921992223397

RESUMO

No período de janeiro a dezembro de 1986 foram coletados 28 (vìnte e oito) espécimens de H. ampla e 09 (nove) de H. rupestris, nas idades adulta e jovem, para determinação dos teores de S04~ e S-total em folha, caule, tubércolo e no solo onde as mesmas se desenvolveram. Em H. ampla o teor de 504~ variou de 0,22-0,78% e em H. rupestris de 0,22-1,30%. O teor de 5 em H. ampla variou de 0,74-0,96% e em H. rupestris de 0,75-1,02%. O teor de S04~em H. ampla obedece a relação folha>tubérculo>caule independente da época e idade fisiológica, enquanto em H. rupestris a relação é tubérculo>folha>caule. 0 S apresenta um comportamento diferente, mantendo a relação tubérculo>caule>folha para H. ampla e tubérculo>folha>caule para H. rupestris. No solo onde H. ampla se desenvolveu não se observou variação do teor de S04~(0,52%) enquanto para H. rupestris a variação foi de 0,27-0,63% sendo maiores na época chuvosa. Devido a interrelação vegetação-solo analisou-se os teores de C-orgânico no material vegetal e no solo.

ABSTRACT

Twenty eight (23) H. ampla and nine (09) H. rupestris adult and young specimens were collected to determine the levels of S04~ and total-S in leaf, stem, tuber and in the soil where they grow. In H. ampla the level of S04~ varied from 022.-078% and in H. rupestris from 0.22-138%. The level of S in H. ampla varied from 0.74-0.96% and In H. rupestris from 0.75-1.02%. The level of S04~ IH H. ampla follows the pattern leaf>tuber>stem Independent of time of year and physiological age, while in H. rupestris the pattern is tuber>leaf>stem. The 5 shows a different behavior, maintaining the pattern tuber>stem>Jeaf for H. ampla and tuber>leaf>stem for H. rupestris. In the soil where H. ampla grows no variation in level of S04~ (052%) was observed while for H. rupestris the variation was from 027-0.63% being higher in the rainy season. Due to the vegetation-soil interrelationship the levels of organic C, N, P, K, Ca, Mg, Na, Mn, Fe, Al and Zn were analyzed in the vegetative material and in the soil.

Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.