InternatoRadiologia e diagnóstico por imagemResidência Médica

Caso Clínico: Clínica Médica – Espondilite Tuberculosa


História Clínica

 

Paciente MNA, sexo feminino, 25 anos.

Queixa principal: febre diária há 6 meses.

História da moléstia atual: previamente hígida, refere que há cerca de 6 meses iniciou quadro de febre diária, não mensurada, com predomínio no final da tarde, seguida de sudorese importante. Queixou-se de vômitos precedidos de náuseas, contendo o próprio conteúdo alimentar, mais frequente após as refeições, além de astenia, inapetência, hiporexia e perda de peso (cerca de 10kg no período).

Associado a essas manifestações, relata que há 4 meses passou a cursar com dor em de coluna torácica alta, tipo peso, intensidade 8/10, duração contínua, que irradiava para MMII, sem fator de melhora ou piora e sem fator desencadeante. Após alguns dias evoluiu com paralisia de MMII e queimação de intensidade 10/10.

 

Segue imagem da TC da paciente:

 

Exames: Tomografia computadorizada axial. Notar a destruição do corpo de T12 (a), extenso abcesso paravertebral (b) e invasão do canal medular (c)

 

Diagnóstico: Espondilite tuberculosa.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar