Ciclo ClinicoPneumologia

Tuberculose Pulmonar

IDENTIFICAÇÃO

Sra LC, 65 anos, soteropolitana, trabalhadora autônoma, com nível de escolaridade até a 2ª série do Ensino Fundamental. Residente do bairro de São Caetano, em Salvador-BA, onde vive com sua filha, genro e neto de 4 anos.

 QUEIXA PRINCIPAL

Tosse com produtiva há cerca de um mês.

 

 HISTÓRIA DA MOLÉTIA ATUAL

 

Comparece ao ambulatório de Infectologia, para realização de primeira consulta, referindo tosse há mais de 3 meses,  com piora no último mês.  Tosse persistente, a qualquer momento do dia, produtiva com muco “esverdeado” ou “amarelado”. Relata que ao tossir apresenta falta de ar, e dor de cabeça, em região temporal, sem irradiar e pulsante. Relata cansaço, perda de peso e falta de apetite, após o começo da tosse. Refere que teve contato com indivíduos contaminados com tuberculose em seu ambiente de trabalho. Apresenta exames laboratoriais e de imagem.

 MEDICAÇÕES DE USO CONTÍNUO

 

Metformina 850mg, 02 comprimidos ao dia – Biguanida – antidiabético

 

 Glibenclamida 5 mg, 02 comprimidos ao dia. – Sulfoniluréias de segunda geração – antidiabético

 

 ANTECEDENTES FAMILIARES

 

Irmã com câncer de mama (irmã), mãe com DM e HAS

 HÁBITOS DE VIDA

 

Nega tabagismo e etilismo, refere sedentarismo.

 ANTECEDENTES PATOLÓGICOS

 

Foi diagnosticada há 15 anos com Diabetes tipo II.

 EXAME FÍSICO

 

PA 120/80mmHg ; FC = 120 bpm, rítmico; FR = 20 ipm

 

AR: expansibilidade diminuída, indolor a palpação, frêmito distribuído, murmúrios vesiculares com diminuição em hemitórax D, sem ruídos adventícios.  Demais sistemas não apresentavam alterações.

 

Gostou do caso? Discuta no fórum de comentários abaixo!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar