Outros

Inovações tecnológicas nas especialidades médicas

Inovações tecnológicas nas especialidades médicas

Compartilhar

SanarMed Pós Graduação

8 min7 days ago

Inovações tecnológicas na comunicação e na saúde têm promovido transformações profundas na medicina. Embora a saúde digital já tenha um grande impacto na forma como os médicos trabalham, é claro que importa muito o tipo de tarefas que eles assumem. As inovações tecnológicas servirão para otimizar a rotina dos médicos, coletando dados para análise e realizando tarefas repetitivas ou de baixa complexidade.

Desse modo, especialistas poderão se concentrar no atendimento ao paciente e tomada de decisões importantes, como o melhor tratamento para uma pessoa com doença grave.

Com essa transformação de cenário, há uma necessidade maior de criatividade e habilidades únicas de resolução de problemas dos médicos. Essas são as atividades que nenhum dispositivo ou software digital de saúde pode e irá substituir.

Portanto, o processo de entrada da tecnologia digital na área de saúde é mais complexo do que apenas dizer que a inteligência artificial (IA) ou a robótica assumirão os empregos. Tal como acontece com outros campos de inovação, haverá áreas ou empregos que serão mais afetados do que outros. Algumas especialidades terão mais sucesso do que outras. 

Aqui você encontra dez especialidades médicas que se beneficiarão com a inovações tecnológicas.

CONHEÇA A PÓS EM MEDICINA DE EMERGÊNCIA DA SANAR

1. Pediatria

Há uma janela de tempo muito limitada para avaliar o estado e a saúde de um bebê ou da mãe grávida. Dispositivos que monitoram os sinais vitais da mãe e da criança garantirão que, em caso de emergência, o atendimento não dependa da sorte da mãe.

Os avanços na tecnologia prometem até mesmo tratar a maioria das doenças genéticas. Condições graves e debilitantes, como a distrofia muscular de Duchenne, podem ser tratadas ainda no útero, antes mesmo de o bebê nascer. Com o sequenciamento do genoma completo e barato, os pediatras também podem acessar uma grande quantidade de dados para diagnosticar e tratar crianças.

3. Radiologia

Algoritmos de aprendizado profundo e IA começaram a surgir no campo da imagem médica recentemente. Notícias como uma IA criada pelo DeepMind do Google, superando os radiologistas na detecção de câncer de mama, colocaram muitos em pânico. A partir do discurso ao seu redor, eles tiveram a ideia de que a IA substituirá os radiologistas em breve. No entanto, é possível que a IA aumente seus empregos, pois exigirá mais radiologistas para analisar os dados obtidos. O futuro desses profissionais será muito mais emocionante do que verificar centenas de raios-X por dia.

A radiologia também se beneficia da saúde digital na forma de novos dispositivos. Versões portáteis de dispositivos avançados não são mais fantasias de ficção científica. Recentemente, o primeiro Scanner de ressonância magnética móvel do mundo foi notícia. 

4. Oftalmologia

Há muito pelo que esperar na oftalmologia. Na verdade, essa especialidade médica trará tecnologias de ficção científica aos pacientes em um futuro próximo.

Implantes retinais e olhos biônicos já existem e restauram a visão para aqueles que a perderam. Já em 2015, a primeira cirurgia do olho biônico foi concluída em um paciente idoso com degeneração macular relacionada à idade (DMRI), para melhorar sua visão. No ano passado, seis pessoas cegas tiveram uma restauração parcial da visão graças a um implante neural usado em um teste. Outro implante cerebral permitiu que pesquisadores na Espanha restaurassem a visão rudimentar com neuropatia óptica tóxica.

Além disso, sensores baratos conectados a Smartphone e aplicativos que usam a câmera do telefone podem ajudar no diagnóstico de condições oculares, mesmo em regiões subdesenvolvidas. 

5. Medicina esportiva e reabilitação

Com o advento do Smartphone e o interesse por melhorar cada movimento, assim como por otimizar o tempo de recuperação em casos de lesões, o mercado da medicina esportiva tende a crescer exponencialmente. Hoje, muitos pacientes estão à procura de profissionais qualificados para ajudá-los a alcançar os melhores desempenhos. Em tempos passados, essa busca estava restrita aos atletas profissionais.

Com informações detalhadas provenientes de dispositivos tecnológicos, os médicos de medicina esportiva terão dados concretos para avaliar os padrões de movimentos e produção de força e otimizar os resultados desejados.

Além disso, algumas empresas avaliam testes genéticos de vários atletas com o objetivo de usar suas informações de DNA coletadas para melhorar o desempenho, saúde e segurança. Esses testes podem revelar informações adicionais, desde um risco elevado de lesões até as demandas nutricionais. Posteriormente, esses resultados permitem ajustes específicos em seu plano de treino e nutrição.

Reabilitação

Os exoesqueletos são tecnologias semelhantes a um esqueleto que suporta e protege o corpo humano de fora. Eles ajudam na reabilitação de pacientes com acidente vascular cerebral ou pacientes com lesão medular. Os desenvolvimentos mais recentes permitem que pacientes paralisados controlem exoesqueletos com o cérebro!

6. Oncologia

Esta especialidade abrirá o caminho para a medicina de precisão e tratamentos direcionados . Os oncologistas já personalizam as terapias com base no histórico genético dos pacientes e na composição molecular de seus tumores.

O sequenciamento do genoma e a medição de biomarcadores sanguíneos mais baratos estão acelerando esse processo. Assim como o aperfeiçoamento de técnicas que utilizam nanopartículas para direcionar os medicamentos somente ao tumor.

Um avanço nessa área são as biópsias de fluido, exames de sangue que se mostram capazes de detectar todos os tipos de câncer desde o estágio inicial. Dessa forma, os médicos poderiam diagnosticar e analisar tumores mais cedo e sem cirurgias complexas.

7. Dermatologia

Nossa pele funciona como um teste decisivo para nossa saúde. Alguns aplicativos para smartphones permitem aos usuários rastrear manchas suspeitas, com dermatologistas informando-os remotamente quando precisam de exames detalhados.

Outra inovação tecnológica permite aos usuários enviar fotos sobre erupções, lesões ou pontos estranhos que os preocupam. Eles podem então receber aconselhamento médico online, em casos simples. 

Robôs e Medicina Genômica também podem auxiliar em tratamentos estéticos, renovando e preservando células para promover uma aparência saudável. Nesse seguimento, o desenvolvimento de pele viva em 3D poderá auxiliar vítimas de queimaduras e pessoas com problemas mais discretos, como diabéticos ou úlceras de pressão.

8. Medicina de Emergência

Existem situações em que o tempo é crucial, por exemplo, no caso de desastres ou emergências médicas. Estas demandam respostas urgentes. Portanto, qualquer inovação que vise auxiliar esta especialidade médica deve encurtar o tempo necessário para chegar ao cenário do acontecimento.

Os drones médicos têm grande potencial para agilizar o transporte de medicamentos, vacinas ou auxiliares médicos.

9. Gastroenterologia

A nanotecnologia ajudará muito os médicos gastroenterologistas a diagnosticarem doenças de forma minimamente invasiva. Inclusive, com a inovação tecnológica chamada PillCam, isto já pode ser feito. É uma espécie de endoscopia de cápsulas, no qual  o paciente engole uma câmera do  tamanho de um comprimido. A cápsula descartável permite visualizar o intestino delgado, esôfago e cólon. Dessa forma, ela poderá ser usada para monitorar e diagnosticar distúrbios do trato gastrointestinal sem sedação ou procedimentos endoscópicos invasivos.

10. Psiquiatria

Avanços tecnológicos podem beneficiar a interação entre psiquiatra e paciente nos próximos anos. Assim, o atendimento pode ser estendido para fora das unidades de saúde, favorecendo um acompanhamento em outros locais em que o paciente se sinta confortável e seguro, como na própria residência.


Além disso, a realidade virtual vem sendo testada como tratamento para fobias sem que a integridade física do paciente seja colocada em risco. Comparar as reações do paciente em um espaço de tempo determinado será mais fácil em um futuro próximo.

Mais tempo para os pacientes e melhor percepção da doença

Ao todo, muitos trabalhos serão assumidos por robôs e automação nos próximos anos. Mas oportunidades incríveis também surgirão, especialmente na medicina. Os médicos precisam adquirir novas habilidades e aprimorar as existentes. Em muitas especialidades, os médicos terão mais tempo para os pacientes e melhor compreensão das doenças. Essas são competências insubstituíveis neste revolucionário novo mundo da medicina.

VOCÊ CONHECE A PÓS-GRADUAÇÃO EM MEDICINA DE EMERGÊNCIA DA SANAR?

Compartilhe com seus amigos:
Termos de Uso | Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.