Livros

Manual de Urgências e Emergências em Pediatria

Leia o Livro Completo
Índice
2.5

INTRODUÇÃO À ARRITMIAS

ritmo cardíaco irregular é um problema comum que possui inúmeras etiologias, desde variantes normais benignas até arritmias malignas. A determinação da causa do ritmo irregular é importante, pois pode haver uma ameaça à vida e condições graves envolvidas.

BRADIARRITMIA

Paciente pediátrico apresentando frequência cardíaca (FC) inferior à faixa normal de FC para a idade e o grau de atividade do bebê ou criança.

CONDUTA NA TAQUICARDIA COM PULSO

Avaliar pressão arterial e oximetria de pulso; • Manter a perviedade das vias aéreas; • Oferecer oxigênio se SatO2 < 94%; • Considerar via aérea avançada e ventilação assistida, se necessário; • Avaliar perfusão periférica e instalar acesso vascular intravenoso/intraósseo (IV/IO); • Avaliar estado neurológico;

OBSERVAÇÕES SOBRE ARRITMIAS

Nos casos de pacientes sem sinais de instabilidade hemodinâmica e sintomas importantes, com taquicardias com QRS estreito regular (TSV) sem reversão com adenosina, QRS estreito irregular ou QRS largo, pode-se considerar aguardar a avaliação do cardiologista, sem medicar no atendimento pré-hospitalar (APH);

Compartilhe com seus amigos:
Compartilhe com seus amigos: