Livros

Manual de Urgências e Emergências em Pediatria

Leia o Livro Completo
Índice
6.3

INTRODUÇÃO DA LESÃO RENAL AGUDA

resulta em declínio da taxa de fi ltração glomerular (TFG), alteração da homeostase hidroeletrolítica e acidobásica e retenção de resíduos nitrogenados. O marcador mais característico e relevante é o aumento da concentração sérica de creatinina e ureia. Oligúria, defi nida por diurese < 0,5 a 1,0 ml/ kg/h, nem sempre está presente. É imprescindível a defi nição etiológica, pois até 50% dos casos de LRA em pediatria são iatrogênicos, ou seja, passíveis de serem evitados.

CONDUTA DA LESÃO RENAL AGUDA

REALIZAR IMPRESSÃO INICIAL E AVALIAÇÃO PRIMÁRIA, COM ÊNFASE PARA • Manter permeabilidade das vias aéreas: permitir que o paciente assuma posição confortável ou realizar manobras para abertura de vias aéreas; • Avaliar oximetria de pulso;

PRINCÍPIOS BÁSICOS DA LESÃO RENAL AGUDA

1. Manutenção do equilíbrio de fluidos e eletrólitos; 2. Suporte nutricional adequado; 3. Ajuste das drogas à função renal; 4. Evitar complicações; 5. Tratamento da causa específica; 6. Adequada indicação de terapia de substituição renal.

Compartilhe com seus amigos:
Compartilhe com seus amigos: