Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

A anormalidade genética associada à polipose adenomatosa familiar é:

A
perda da heterozigozidade no gene p53.
B
mutações ou deleções nos genes do braço curto do cromossoma 5 (5p)>.
C
mutações ou deleções no gene APC.
D
perda da heterozigozidade no gene DCC.
E
perda do oncogene K-ras.
Pré-escolar de 4 anos apresenta fortes dores abdominais e em articulações de joelhos, acompanhados de petéquias e equimoses em braços, membros inferiores e glúteos. Exames complementares: hematúria macroscópica, biópsia de pele com vasculite leucocitoclástica, VHS: 70mm na primeira hora. O diagnóstico mais provável é:
Em uma mulher com biópsia de colo uterino (pequeno fragmento), realizada às cegas (sem colposcopia), com invasão de 2 mm, qual a melhor conduta seguinte?
São tumores mais frequentes no mediastino anterior, médio e posterior, nesta ordem:
São fatores associados a um risco aumentado de desenvolvimento do câncer de estômago:
Compartilhar