Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

A ausência de hemácias com corpos de Howell-Jolly, no pós-operatório de esplenectomia, sugere:

A
ausência de tecido esplênico funcionante
B
presença de baço acessório
C
insuficiência hepática
D
leucemia
Mulher de 45 anos, previamente saudável, procura atendimento por dor em cotovelo e febre. Refere inchaço, dor e vermelhidão no cotovelo direito há cerca de 24h, acompanhada de febre de até 40 °C com calafrios. Exame físico evidencia sinais flogísticos em cotovelo direito com demais articulações normais. Não há outros achados no exame físico. Exames laboratoriais evidenciam somente leucocitose de 16.000 células com desvio à esquerda (10% de bastões). Qual a melhor conduta a ser adotada?
Considere-se um paciente de 28 anos com pneumonias de repetição há 3 anos e 2 episódios de hemoptise, portador de bronquiectasias saculares localizadas na pirâmide basal direita. Qual a alternativa que contém a indicação correta de tratamento cirúrgico para o referido paciente?
No tratamento do choque Hemorrágico, o melhor parâmetro clínico para reposição volêmica é:
Escolar de sete anos, sexo masculino, com asma grave sem acompanhamento regular, é levado ao ambulatório por apresentar claudicação intermitente observada há aproximadamente um mês. Refere dor na região coxofemoral com irradiação em direção à patela. Exame físico: afebril; limitação da mobilização do membro inferior direito, principalmente da abdução coxofemoral sem sinais de flogose. Radiografia de quadril: osteosclerose da cabeça do fêmur e achatamento da epífise. Este quadro é compatível com:
Compartilhar