Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

A classificação de Hinchey tem grande importância no estabelecimento do grau de evolução da diverticulite de colo, uma vez que tem correlação direta com a conduta a ser tomada. Assinale a alternativa incorreta.

A
No Hinchey I pode-se realizar apenas tratamento clínico, que tem como principal suporte o uso de antimicrobianos como Metronidazol e Aminoglicosídeo.
B
No Hinchey IV a mortalidade é maior que 90%.
C
O abscesso pélvico (Hinchey II) é preferencialmente tratado por antimicrobiano e drenagem por punção percutânea guiada por exame de imagem.
D
A retosigmoidectomia com fechamento do coto retal e colostomia proximal é a melhor conduta no Hinchey IV e pode também ser empregada na peritonite purulenta (Hinchey III).
E
A microperfuração que leva à peridiverticulite deve ser tratada por ressecção, podendo-se então realizar anastomose primária com ou sem estoma de proteção, ou conduta mais conservadora como a cirurgia de Hartmann.
A quimioprofilaxia para tuberculose (TB) está contra-indicada:
Uma paciente de 32 anos de idade, vítima de acidente automobilístico com trauma abdominal fechado, é levada a um pronto-socorro. O médico constata que a paciente está inconsciente, sem pulso central e apneica. Ao iniciar manobras de reanimação cardiorrespiratória, constata-se a presença de atividade elétrica sem pulso (AESP). Qual a causa mais provável da AESP na paciente descrita?
A conduta recomendada diante de uma criança com artrite séptica do quadril, na fase aguda, é:
A miringotomia e/ou a timpanoplastia estão contraindicadas na seguinte situação:
Compartilhar