Questões na prática

Clínica Médica

Cirurgia

Pneumologia

Cirurgia do Trauma

A clínica do pneumotórax hipertensivo caracteriza-se por:

A
Frêmito toracovocal abolido, hipertimpanismo com tugência jugular, murmúrio vesicular abolido
B
Frêmito toracovocal aumentado, hipertimpanismo, tugência jugular, murmúrio vesicular abolido
C
Frêmito toracovocal normal, hipotensão, com tugência jugular, abafamento de bulhas
D
Frêmito toracovocal abolido, desvio de traqueia, abafamento de bulhas, murmúrio vesicular normal, sem tugência jugular
E
Frêmito toracovocal normal, hipertimpanismo, com tugência jugular, murmúrio vesicular abolido
VBD, 37 anos, gênero feminino, bibliotecária, queixa-se de dor incaracterística nas pernas, principalmente à esquerda, tipo queimação, de longa evolução, mas que piorou após a segunda gestação a termo há 6 meses. Informa episódio de trombose venosa profunda (TVP) após o primeiro parto ocorrido há 5 anos. Ao exame, paciente com sobrepeso (IMC=31 Kg/m²). Presença de pulsos pediosos, poplíteos e femorais normais. Enovelado de veias mais evidentes em membro inferior esquerdo, depressíveis ao toque. Pele de coloração mais escura com alterações tróficas em porção mais distal. Realizado ultrassonografia (US) com Doppler dos membros inferiores. Em relação a este caso clínico, assinale a alternativa ERRADA:
Paciente masculino, 10 anos de idade, pesando 32 quilos, soropositivo para HIV de transmissão vertical, apresenta diagnóstico de linfoma abdominal não Hodgkin há 1 semana. Fez quimioterapia há 4 dias. Hoje está hipoativo, hipotenso, desidratado, em anasarca, descorado e referindo dor lombar à direita de forte intensidade. Tem diurese de 8 ml/hora; ureia de 205; creatinina de 4,8; potássio de 6,1; cálcio de 8,2; ácido úrico urinário de 0,75 mg/dl; e gasometria com acidose metabólica. Acerca desse caso, qual é o diagnóstico MAIS provável?
Mulher, 61 anos, admitida na emergência com quadro de obstrução intestinal. Realizou TC de abdome com contraste oral e venoso que sugeriu o diagnóstico de íleo biliar. Que outro achado radiológico tomográfico corroboraria esse diagnóstico?
Considerando que as alterações do estado mental correspondem a 30% das avaliações de emergência nos paciente idosos, não podemos afirmar que:
Compartilhar