Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

A conduta em uma paciente de 50 anos, sem alteração palpatória e sem biópsia prévia, com alteração mamográfica com area espiculada do tipo cicatriz radial de 1,5 cm, classificada como categoria BIRADS IV (suspeita de malignidade), é:

A
punção aspirativa com agulha fina orientada por estereotaxia.
B
biópsia percutânia com agulha grossa orientada por estereotaxia.
C
biópsia percutânia por mamotomia orientada por estereotaxia.
D
biópsia excisional precedida por agulhamento.
E
biópsia aspirativa com agulha grossa orientada por esterotaxia.
Criança portadora de doença falciforme homozigótica vem ao pronto-socorro com febre, odinofagia, hiporexia e hipoatividade. Ao exame você observa hiperemia de orofaringe, placas purulentas em amígdalas, petéquias em palato, infartamento ganglionar cervical, palidez moderada e icterícia leve. Qual a melhor conduta?
Com relação à hiperplasia prostática, assinale a alternativa INCORRETA:
Thiago, de 23 anos, vítima de atropelamento chega ao Pronto-Socorro verbalizando e queixando muita dor na perna e abdome. Está dicretamente taquipneico, com murmúrio vesicular audível em ambos os pulmões e com frequência respiratória 26 irpm. Está taquicárdico com 120 bpm de frequência cardíaca e com pressão arterial de 90x60. Após infusão de 2000ml de cristaloide não se observou uma boa resposta cardiovascular. Escala de coma de Glasgow de 15, com todos os reflexos presentes. Existe dor a mobilização do quadril e há fratura fechada de fêmur direito. Como o serviço não dispõe de ultrassonografia na sala de atendimento, opta-se por realizar um lavado peritoneal pela técnica aberta, que foi positivo para sangue. O cirurgião chefe decide então encaminhá-lo à sala cirúrgica. O achado cirúrgico foi pequena quantidade de sangue na cavidade peritoneal e grande hematoma na zona III. Qual deve ser a conduta?
Um paciente com hepatopatia grave dá entrada no Pronto-Socorro com abdome agudo inflamatório e vai ser submetido a cirurgia de urgência.Tem TAP e TTPa alterados e plaquetopenia de 10.000/mm³. Qual ou quais os componentes sanguíneos você usaria como preparo para a cirurgia?
Compartilhar