Questões na prática

Clínica Médica

Ginecologia e Obstetrícia

Dermatologia

Obstetrícia

A infecção causada pelo vírus Herpes Simplex Tipo II (HSV II) ocorre por um derrame viral na pele ou em membrana das mucosas acometidas. A seguir, os anticorpos neutralizantes são produzidos no início da infecção e persistem, mas não previnem recidivas da fase ativa da doença. Baseados nesse contexto, podemos afirmar que em relação à patogenicidade e à transmissibilidade do HSV II:

A
A transmissão do vírus (HSV II) é mais comum entre parceiros assintomáticos que eliminam vírus, do que entre parceiros com lesões ativas.
B
A transmissão do vírus (HSV II) ocorre somente pelo contato com as vesículas abertas.
C
A fricção das mucosas e rompimento das vesículas no ato sexual é um meio pouco provável para a entrada do vírus.
D
A transmissão do vírus (HSV II) ocorre pelo contato com vesículas abertas, não havendo contágio em indivíduos assintomáticos.
E
O vírus (HSV II) somente é transmitido quando ocorrem fissuras na pele, durante a relação sexual.
O oligoidrâmnio está relacionado a: I- pós-maturidade; II- displasia renal; III- CIUR; V- Diabete gestacional. Está correta:
Quais dos sinais abaixo caracterizam, segundo os critérios de Jones, o diagnóstico de febre reumática, numa criança com infecção estreptocócica prévia?
A metodologia considerada padrão ouro para o diagnóstico de uma infecção urinária é:
Paciente de 45 anos de idade, previamente hígido, chega ao pronto-socorro com quadro de tosse com escarro hemoptoico, febre, dor torácica à esquerda e anorexia há 5 dias. Realizou RX de tórax que evidenciou consolidação alveolar em lígula e no lobo inferior esquerdo, leucograma com leucocitose e ureia de 65. PA: 90 x 60 mmHg. Assinale a alternativa que contém a melhor conduta para o caso de acordo com o CURP-65.
Compartilhar