Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

A mídia televisiva e impressa tem noticiado ultimamente relatos de violência contra crianças, muitas das quais vítimas fatais. A Sociedade Brasileira de Pediatria tem dado grande importância ao tema da criança e do adolescente, com informações tanto aos pediatras quanto à comunidade em geral. Acerca dos acidentes e maus tratos nessa faixa etária, julgue os itens abaixo. I - As intoxicações são os acidentes domésticos mais frequentes na faixa etária de 2 a 4 anos. II - As fraturas de ossos longos na criança pré-escolar geralmente são completas e expostas. III - Criança entre 12 e 18 meses, com até 13 Kg, deve ser transportada em assento infantil adaptável ao banco traseiro do automóvel, de frente para o painel. IV - Na suspeita ou na confirmação de que o agressor é o responsável pela criança, o caso deve ser tratado pela equipe multiprofissional da instituição de saúde, devendo ser de comunicado o conselho tutelar e tomadas as outras providências legais pertinentes. V - Em pequenos queimados, as primeiras medidas são: romper bolhas existentes e aplicar soluções antissépticas. Estão certos apenas os itens:

A
I e II.
B
I e IV.
C
II e III.
D
III e IV.
E
IV e V.
Qual, das seguintes combinações de drogas antieméticas, é a melhor recomendada para um paciente com quimioterapia com drogas de alto potencial emetogênico como a cisplatina?
O risco verificado em mulheres fumantes com mais de 35 anos, usuárias de pílula anticoncepcional relaciona-se a:
Dentre as causas da hemorragia pós-parto imediata, não se inclui:
Mulher de 55 anos em uso crônico de anti-inflamatório não esteroidal apresenta quadro de hemorragia digestiva alta vultosa. Após a estabilização hemodinâmica, realizou endoscopia que mostrou úlcera na 1ª porção duodenal, na parede posterior, recoberta por grande coágulo. Neste momento foi tratada com injeção de adrenalina. A paciente permaneceu sob observação rigorosa, quando em menos de 24 horas apresentou hipotensão e enterorragia. Qual o procedimento melhor indicado para esta paciente?
Compartilhar