Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Hepatologia

A presença do marcador de Hepatite Anti-HCV+ tem como significado imunológico correspondente à:

A
Doença Crônica
B
Doença aguda
C
Presença do vírus C na corrente sanguínea
D
Contato do portador com vírus da Hepatite C
E
Contato do portador com vírus da Hepatite B
Feminino, 20 anos, apresentou-se com febre de 38,5° C, dores no corpo, espirros, dor de garganta e tosse irritativa. Medicou-se com sintomáticos e melhorou bastante a partir do quinto dia, entretanto persistiu a tosse com pouca expectoração. No oitavo dia voltou a apresentar febre de 37,5° C e a tosse aumentou, tornando-se mais abundante e amarelada, voltou a cefaleia, sensação de obstrução nasal e de “cheiro ruim” no nariz. Ao exame, já no décimo dia, está em bom estado geral, nota-se secreção purulenta no cavum e dor à compressão da região frontal. Relata antecedentes de rinite alérgica desde pequena. História menstrual normal. A melhor conduta antibiótica é tratar por via oral com:
Em relação à reanimação cardíaca em crianças, NÃO podemos afirmar que:
Em relação ao agente químico que pode induzir ao suicídio, assinale a alternativa CORRETA:
Paciente internado em caráter de urgência com diagnóstico de aneurisma de aorta abdominal rota, apresenta hipertensão arterial grave (Pressão Arterial = 220 x 140) e taquicardia (Frequência Cardíaca = 136 batimentos por minuto). Faz-se necessário controle clínico mínimo pré-operatório que inclui medidas para controle de pressão arterial e frequência cardíaca, respectivamente:
Compartilhar