Questões na prática

Clínica Médica

Cirurgia

Gastroenterologia

A principal camada da parede do esôfago para anastomoses digestivas é:

A
mucosa
B
submucosa
C
muscular
D
serosa
E
adventícia
Paciente de 48 anos, masculino, com história de abuso de cocaína (crack) foi trazido ao Pronto-Socorro (PS) por quadro de agitação e agressividade com início há 5 dias. Necessitou, ao chegar, de contenção física e medicamentosa (Haloperidol 5 mg 1 amp IM + Midazolam 15 mg 1 amp IM) repetidas vezes, o que se repetiu até o dia seguinte. Familiares relatam que o paciente iniciou o quadro com falta de sono, passando a noite ao telefone e se apresentava sexualmente desinibido. Após 48 horas de permanência no PS aguardando vaga para internação psiquiátrica, começou a apresentar acentuação da confusão mental, períodos de sudorese franca, taquicardia, pressão arterial instável e rigidez muscular intensa e persistente. Com 72 horas de evolução apresentava grave hipertermia (T = 40,3°C) e piora ainda maior da confusão mental com períodos de mutismo. Foram solicitados exames, sendo os principais resultados hemograma com leucocitose (Leuc = 20000) sem desvio à esquerda, TSH = 0,5; T4 Livre = 1,2; CPK = 5639, hipernatremia, creatinina = 1,6 e densidade urinária elevada (1030). Foi realizada punção liquórica, com exames normais. O plantonista solicitou transferência para a UTI. Assinale abaixo a hipótese que melhor explica a evolução clínica apresentada:
Menino, cinco anos, é levado ao pronto-socorro devido a eritema e edema do olho direito. O exame físico revela conjuntivite granulomatosa no olho direito e um linfonodo pré-auricular doloroso à palpação. Ademais, há outros linfonodos palpáveis na região submandibular ipsilateral. Mãe nega febre, sintomas respiratórios, náusea e vômitos ou diarreia, e revela que a família ganhou um gato novinho há quatro meses. O provável agente etiológico do quadro clínico é:
A Resolução CFM nº 1480/97, após definir os critérios para diagnóstico de morte encefálica, determina, para a faixa etária indicada à esquerda, o seguinte intervalo mínimo entre duas avaliações clínicas:
Ao examinar um recém-nascido de três semanas, nascido de parto normal, vigoroso ao nascer, nota-se um nódulo palpável ao nível da clavícula direita, sem outros sinais clínicos. Qual a hipótese mais provável?
Compartilhar