Questões na prática

Clínica Médica

Hepatologia

A “tríade de Charcot” que pode ser observada na colangite aguda caracteriza-se por:

A
confusão mental, febre e dor no hipocôndrio direito.
B
febre com calafrios, icterícia e dor no hipocôndrio direito.
C
choque séptico, dor no hipocôndrio direito e confusão mental.
D
icterícia, insuficiência renal e choque séptico.
E
dor no hipocôndrio direito, febre e icterícia.
Paciente de 25 anos procurou atendimento com médico com náuseas, vômitos, icterícia, dor abdominal em hipocôndrio D e febre de instalação há cinco dias. Durante esse período fez uso de paracetamol e vários anti-inflamatórios para alívio da febre. Os exames laboratoriais mostram: HBsAg negativo, Anti-HbC IgM negativo, Anti-HbC IgG positivo, Anti-Hbs positivo, anti-HVA IgG positivo, TGP 500 U/L (limite superior da normalidade: 40 U/L), TGO 346 U/L (limite superior da normalidade: 36 U/L). O ultrassom abdominal é compatível com hepatomegalia. Qual o diagnóstico mais provável?
Em uma fratura da pelve tipo “livro aberto”, com instabilidade hemodinâmica aguda na urgência, qual a melhor conduta a ser tomada:
A febre reumática é doença inflamatória multissistêmica que ocorre em indivíduos geneticamente suscetíveis, após infecção faríngea provocada pelo estreptococo beta-hemolítico do grupo A. O diagnóstico baseia-se na utilização de sinais clínicos e laboratoriais que integram os chamados critérios de Jones modificados, incluindo cinco sinais maiores e cinco menores. Com base nessas informações, julgue o item subsequente. Os cinco sinais maiores são a cardite, a artrite migratória, a coreia, o eritema marginado e os linfonodos subcutâneos cervicais.
Paciente com 38 anos de idade, apresentando há 4 meses artrite simétrica de articulações do punho, interfalangianas proximais e metacarpofalangianas, rigidez articular matinal durando pelo menos 1 hora. Avaliação laboratorial revelou fator rematoide positivo. Qual dos tratamentos abaixo NÃO MODIFICA o curso desta doença?
Compartilhar