Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Acerca de diabetes e hipertensão na gravidez, julgue o item a seguir. A Organização Mundial de Saúde (OMS) não diferencia o rastreamento e o diagnóstico do diabetes durante a gestação ou fora dela. Recomenda-se o teste oral de tolerância à glicose com sobrecarga de 5 g como único teste, entre a 24ª e a 28ª semanas de gestação. O diagnóstico de diabetes gestacional é confirmado quando a glicemia de jejum for igual ou superior a 126 mg/dL ou a glicemia de duas horas for igual ou superior a 200 mg/dL.

A
CERTO
B
ERRADO
No item subsequente, é apresentada uma situação hipotética acerca das situações clínicas encontradas em ambulatório e emergência pediátricos, seguida de uma assertiva a ser julgada. Uma criança de 2 anos de idade, previamente saudável, apresentou dispneia e sibilância súbitas após crise de tosse ao acordar pela manhã. Uma radiografia do tórax mostrou atelectasia do lobo superior direito. Nessa situação, o diagnóstico clínico mais provável é de aspiração de corpo estranho e a criança deve ser submetida à broncoscopia como medida para confirmar o diagnóstico e proceder à terapêutica.
Um paciente tetraplégico chega à UTI com insuficiência respiratória aguda hipercápnica. As possíveis causas são:
A trombólise endovenosa no AVC agudo deve excluir:
Sobre Hipertensão Arterial Sistêmica ( HAS), considere as seguintes afirmações: I - A principal relevância da identificação e controle da HAS reside na redução das suas complicações, tais como: doença cérebro-vascular e doença renal crônica. II - Hipertensão arterial é definida como pressão arterial sistólica maior ou igual a 140mmHg e uma pressão arterial diastólica maior ou igual a 90mmHg. III - Hipotereoidismo e hipertireoidismo são causas de hipertensão secundária. Quais estão corretas?
Compartilhar