Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

Achados na Leucemia Linfoblástica Aguda que contribuem para que essa doença tenha evolução mais conturbada no adulto são, EXCETO:

A
Grande frequência das translocações t(9;22) e t(8;14).
B
Alta incidência do fenótipo misto, linfoide e mieloide.
C
Maior frequência do fenótipo “early pré-B”.
D
Maior incidência de leucocitose elevada de início.
E
Resposta lenta à quimioterapia e presença frequente de massas mediastinais.
João, 58 anos, natural de Minas Gerais, hipertenso há 20 anos, chega à Emergência com dor abdominal aguda seguida por distensão e vômitos fecaloides, há 24 horas. História de cirurgia para apendicite aguda há 24 horas e doença diverticular. Exame físico: T.ax 36,5°C, PA 90 x 60 mmHg, FC 108 bpm, FR 28 irpm. Exames laboratoriais iniciais: hematócrito 45%, leucócitos 10.000/mm3, creatinina 1,6 mg/dL, ureia 78 mg/dL, K 4,9 mEq/l, Na 140 mEq/l. A conduta, após estabilização hemodinâmica, é:
O triângulo de Killian tem relação etiopatogênica com:
Para um homem idoso, com um infarto do miocárdio pregresso, foi indicado o uso de ácido acetilsalicílico para prevenção secundária de novas síndromes coronarianas. Dentre as seguintes, a dose diária que melhor une as características de prevenção e menor custo é:
Lactente de oito meses inicia com febre (T=38, 5ºC) há um dia, olhos vermelhos e lacrimejamento. Ao exame apresenta hiperemia de tonsilas palatinas com vesículas em pilares anteriores e ulceração em amígdala direita. O diagnóstico etiológico MAIS PROVÁVEL: Referência: Tratado de Pediatria - Sociedade Brasileira de Pediatria - 2007.
Compartilhar