Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Adolescente, 14 anos de idade, sexo feminino, é levada ao serviço de saúde porque há 2 horas encontra-se sonolenta e taquipneica. Ao exame físico, apresenta-se letárgica, com FC = 100 bpm; FR = 45 ipm; PA = 110/70 mmHg e escala de coma de Glasgow de 10. A ausculta respiratória e cardíaca são normais. A gasometria arterial revela: pH: 7,50; PO2: 90 mmHg; PCO2: 20 mmHg; Bicarbonato: 16 mEq/L; Base Excess: -9; Na+: 140 mEq/L, K+: 4,5 mEq/L, Cl-: 103 mEq/L. O diagnóstico do (s) distúrbio (s) ácido-base e sua causa provável são:

A
alcalose respiratória aguda e alcalose metabólica; bulimia.
B
alcalose respiratória aguda e acidose metabólica do tipo ânion gap aumentado; intoxicação salicílica.
C
alcalose respiratória aguda e acidose metabólica do tipo ânion gap normal; intoxicação por antidepressivo tricíclico.
D
alcalose respiratória aguda compensada; crise de ansiedade.
Assinalar a alternativa em que todas as informações podem ser obtidas quando da realização da manobra de Leopold-Zweifel.
Criança, 3 anos, foi acordada por dor intensa em hipogástrio e fossa ilíaca direita, de início súbito, irradiada para região escrotal homolateral há 1 hora. Não há relato de hipertermia ou trauma local. Está irritada, chorando, dificulta o exame, mas não há alterações apreciáveis no abdome ou no aparelho respiratório; genitália dolorosa e testículo direito muito sensível à palpação. O diagnóstico mais provável é:
Sobre envenenamentos agudos, marque a alternativa INCORRETA:
Crianças de 03 anos atendida no SPA com síndrome mão-pé, febre, dor abdominal, palidez e discreta icterícia. Dentre as doenças hematológicas qual seria sua primeira hipótese:
Compartilhar