Questões na prática

Clínica Médica

Ginecologia e Obstetrícia

Infectologia

Hepatologia

Ginecologia

Adolescente de 15 anos, sexo feminino, procura ambulatório com história de ter sido vítima de abuso sexual há 48 horas. Houve intercurso anal e vaginal, sem a utilização de preservativo pelo agressor. A mãe não sabe da caderneta de vacinação e não lembra a data da última vacina. Exames complementares revelam: Anti HAV IgG reagente e IgM não reagente. HbsAg não reagente e antiHBs reagente com baixa titulação.Qual a conduta mais apropriada para profilaxia antiretrovíral e hepatites?

A
Indicar profilaxia antiretrovíral e imunoglobulina hiperimune contra hepatite B;
B
Indicar profilaxia antiretrovíral e uma dose de reforço da hepatite B;
C
Indicar uma dose de reforço de vacina contra hepatite B e vacina contra hepatite A;
D
Indicar profilaxia antiretrovíral e imunoglobulina hiperimune contra hepatite A e B;
E
Não indicar profilaxia nenhuma
Uma mulher de 25 anos de idade procura o ambulatório do H.U. com história clínica de equimoses. A contagem plaquetária encontra-se abaixo de 15.000, com hemoglobina, hematócrito e contagem de leucócitos normais. O esfregaço de sangue periférico é inespecífico, exceto pela escassez de plaquetas. O diagnóstico mais provável é:
Assinale a alternativa correta, em relação ao atendimento de uma gestante com asma.
Sobre as crises de ausência, é correto afirmar:
Nas recomendações da American Heart Association (Dez 2005), a relação correta entre ventilações e compressões cardíacas é:
Compartilhar