Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Andreia, 18 anos, gesta I/0, vai a sua primeira consulta de pré-natal e leva o laudo da primeira ultrassonografia transvaginal que revelou gravidez gemelar em torno de 11 semanas, com presença de membrana intergemelar com aspecto de “T” invertido. Diante deste resultado você conclui que a gravidez de Andreia é:

A
dicoriônica e diamniótica.
B
dicoriônica e monoamniótica.
C
monocoriônica e diamniótica.
D
monicoriônica e monoamniótica.
Senhor de 40 anos, há 12 horas, relata tremores, náusea, tontura, palpitações e sudorese fria. Negou uso prévio de medicações ou doenças físicas. Relatou uso de álcool e tabaco diariamente, sendo que o último uso foi há 16 horas. Negou uso ou abuso de outras substâncias. Optou-se apenas por hidratar e após 4 horas evoluiu com alucinações visuais, onde relatava estar vendo cobras e aranhas. O diagnóstico mais provável é:
São exemplos de antidepressivos tricíclicos, EXCETO:
Você está de plantão e é chamado para avaliar uma paciente de 77 anos traqueostomizada há 45 dias, com sangramento importante pela cânula (500 ml). Entre as alternativas abaixo, qual a mais correta a ser realizada?
ASSINALE A ALTERNATIVA QUE CONTÉM APENAS CARDIOPATIAS CONGÊNITAS CIANÓTICAS.
Compartilhar