Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Cardiologia

Antonio Carlos, 35 anos, tem cirurgia eletiva programada devido à otoesclerose estapediana (estapedectomia). Mãe com diabetes tipo II e pai saudável. Exame físico: peso 91 kg, altura 1,80 m e circunferência abdominal 106 cm. PA 140 x 80 mmHg; PR 90 bpm. Aparelhos cardiovascular e respiratório sem alterações. Hérnia em região inguinocrural à direita, diagnosticada há cerca de 5 anos, assintomática. Exames: hemácias 4.980.000/mm³, Hb 15g/dl, Ht 45,4%, leucócitos 5500/mm³, plaquetas 320.000/mm³, TAP 100%, INR 1,0; glicemia 114 mg/dl, creatinina 1,3 mg/dl, (clearance creat 102 ml/min), ácido úrico 8,3 mg/dl, Na 140 mEq/l, K 4,7 mEq/l; triglicerídeos 160 mg/dL, HDL 35mg/dl, LDL 136 mg/dl; microalbuminúria 100 mg/24h. As alterações clínicas e laboratoriais que confirmam síndrome metabólica no caso são:

A
pressão arterial, LDL e glicemia
B
circunferência abdominal, HDL e triglicerídeos
C
pressão arterial, IMC e HDL
D
circunferência abdominal, HDL e LDL
Homem de 45 anos é trazido ao Pronto-Socorro alcoolizado, vomitando, em mau estado geral e com fala pastosa. Após ser medicado com glicose a 50% e Metoclopramida EV, passou a apresentar piora do nível de consciência, ataxia e oftalmoplegia. A respeito desse caso, provavelmente o agravamento deveu-se a:
Adolescente de 15 anos procura médico com queixa de amenorreia há 4 meses. Refere perda de 20 kg ( peso anterior de 60 kg ) no último ano, após iniciar regime alimentar. Apesar da perda de peso, acha que ainda precisa perder ‘’mais uns quilinhos’’ para chegar ao seu peso ideal. A respeito desse caso podemos afirmar que:
Mulher de 33 anos é trazida ao Pronto Socorro pelo marido com agitação psicomotora há doze horas. O marido relata que ela tem estado muito irritada há dois dias por acreditar que vem sendo traída. Conta que sempre foi uma pessoa normal e que nunca chegou a ficar da maneira que se encontra agora (chegou a jogar objetos domésticos, como pratos e copos, pela janela). Por fim relata estarem passando por uma crise no casamento. A paciente diz ter certeza da traição pelo fato do marido ter passado a chegar todo dia mais cedo em casa. A melhor conduta inicial, neste caso, seria:
Um menino de dois anos de idade teve uma convulsão febril vem ao seu consultório um dia após ter sido atendido no serviço de emergência. Ele está afebril no momento, ativo. Sua mãe informa que ele está tomando antibióticos para uma otite diagnosticada na véspera. Ela deseja saber o que esperar no futuro a respeito de sua situação neurológica. Você diz para ela:
Compartilhar