Questões na prática

Pediatria

Doenças Respiratórias

Assinale a alternativa INCORRETA sobre a bronquiolite viral aguda na infância:

A
mais de metade dos casos é ocasionada pelo vírus sincicial respiratório.
B
é mais comum em meninos, especialmente que não foram amamentados ao seio.
C
costuma acompanhar-se de diarreia e vômitos.
D
a ausculta caracteristicamente revela estertores finos, com prolongamento da fase expiratória da respiração.
E
corticosteroides não são habitualmente recomendados no seu tratamento.
Em relação aos pacientes com síndrome de Down, analise as afirmativas abaixo: I. A expectativa de vida do paciente com a síndrome é de 25 anos. II. A infância é o período de maior mortalidade devido às cardiopatias congênitas e às leucemias. III. A trissomia livre do cromossoma 21 é a etiologia mais frequente da síndrome de Down. Está / estão correta (s) a (s) afirmativa (s)
Lactente de cinco meses, portador de tetralogia de Fallot, apresenta ao acordar, quadro de agitação, choro inconsolável, taquipneia ecianose intensa e progressiva, evoluindo com síncope. Durante estas ''crises'', a conduta terapêutica tem como principal objetivo:
Criança de três anos está internado há três meses por complicações secundárias à doença inflamatória crônica intestinal e queixa-se de muita fome. Como tem fortes dores abdominais e evacua sangue frequentemente, sua nutrição tem sido à base de fórmula de aminoácidos sintéticos e nutrição parenteral parcial. Exame físico: peso: 8.500 g, estatura; 108 cm, ausência de paniculo adiposo, abdome distendido com alças visíveis sob a parede abdominal, ausculta pulmonar com murmúrio rude em todos os campos, FC: 96 bpm, sem sopros; palidez leve com ulcerações sangrantes na mucosa oral, alopecia generalizada e unhas ressecadas, que se esfarelam ao serem cortadas. Não senta sem apoio. Exames laboratorias: cálcio: 7 mg/dl, fosfato: 2,9 mg/dl, fosfatase alcalina: 130 U/Hb: 8,5 g/d, leucócitos: 4500/mm³ (0-4-0-4-7-28-53-8); gamaglutamiltransferase: 18 mg/dl, AST (TGO): 46 UI/L, ALT(TGP): 38 UI/L. A carência nutricional específica detectável pelo exame clínico e laboratorial é de:
A classificação tipo IIIA de Gustilo-Anderson para fraturas expostas da tíbia se refere à fratura exposta com:
Compartilhar