Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Hepatologia

Assinale a INCORRETA, sobre a investigação de icterícia:

A
Ultrassonografia de abdome superior deve ser solicitada quando o paciente apresenta predomínio de Fosfatase Alcalina sobre ALT.
B
Em pacientes com aumento de ALT e AST acima de 1000 UI/ml e Fosfatase alcalina e gama-GT normais, deve ser investigado hepatite aguda.
C
Em pacientes com hiperbilirrubinemia direta e aumento de Fosfatase alcalina e Gama-gt, deve ser investigada a Síndrome de Dubin-Johnson.
D
A presença de colúria e acolia fecal falam a favor de hiperbilirrubinemia às custas de direta.
E
A colúria aparece quando o limiar de filtração glomerular da bilirrubina direta é ultrapassado.
Considere um caso de choque hemorrágico por varizes esofágicas sangrantes em paciente hepatopata evoluindo com hipotensão arterial (85x50 mmHg) e oligúria, após sondagem vesical e passagem de balão esofágico. Os exames revelam: Hb 6,5 g/dl; Htc: 21%, tempo de protrombina: 23 seg com INR: 1,5; proteínas totais: 6,0 mg/dL; com albumina:2,5 mg/dL; ureia:95mg/dL; creatinina: 1,9 mg/dL, potássio: 4,8mEq/. O conjunto de medidas terapêuticas iniciais mais adequado no momento é:
Paciente de 70 anos, portador de litíase biliar, apresenta dor abdominal, febre e icterícia. Ao exame, encontra-se confuso e hipotenso, e detecta-se leucocitose com desvio à esquerda, elevação de bilirrubinas, fosfatase alcalina, gamaglutamiltransferase e de transaminases. Com achado ultrassonográfico de dilatação de vias biliares intra e extra-hepáticas, é certo afirmar que:
Jovem de 22 anos, professora de educação infantil com carga horária de 40 horas semanais, consultou por quadro de disfonia que piora durante a semana e melhora quando faz repouso vocal. Não apresentava queixas vocais até o início de suas atividades profissionais há 6 meses. Informou ter rinite alérgica. Qual o diagnóstico mais provável?
Em uma paciente de 39 anos, com um primeiro resultado de colpocitologia oncótica revelando atipias glandulares endocervicais AGC-NOS (Atypical Glandular Cells Not Otherwise Specified), a propedêutica mais indicada é:
Compartilhar