Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Pneumologia

Assinale a INCORRETA sobre o diagnóstico diferencial de asma:

A
Fibrose cística.
B
Síndrome de Löeffler.
C
Aspiração de corpo estranho.
D
Fístulas traqueoesofágicas.
E
Somente uma das acima não faz parte do diagnóstico diferencial de asma.
A hidradenite pode ser definida como infecção:
Um médico recebe um recém-nascido do sexo masculino ,de 39 semanas de gestação, no atendimento em sala de parto. Ele se apresenta cianótico e em apneia; não há líquido meconial. Após a realização das manobras iniciais de reanimação (em 30 segundos), o RN não apresenta movimentos respiratórios e persiste cianótico. O próximo passo na reanimação desse recém-nascido é:
Um senhor de 72 anos, usa regularmente várias medicações diariamente. As drogas são usadas para tratar dores articulares, hipertensão arterial, diabete mellitus, constipação intestinal e insônia. Nos últimos dias, o paciente aumentou por conta própria o benzodiazepínico usado para a insônia. Há quatro dias, os familiares notaram que ele mudou bruscamente o seu comportamento, tendo atitudes não usuais, como manifestar agressividade, alternadas com período de apatia, despindo-se na frente dos familiares, falando palavrões de baixo calão e recusando alimentação. Os familiares resolveram suspender a medicação e levaram o paciente ao seu médico de família. Na consulta, o paciente já estava bem melhor, praticamente voltando ao seu comportamento usual. Diante deste quadro, qual o diagnóstico inicial mais provável?
Criança de 3 anos, com história ou crises convulsivas, em uso regular de fenobarbital, dá entrada no pronto-socorro com convulsão tônico clônico generalizada de duração maior do que 15 minutos, segundo relato dos pais. Mãe refere que a criança não recebeu as últimas 2 doses da medicação. Qual é a sequência ADEQUADA de condutas para esse caso?
Compartilhar