Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Casal em seguimento no ambulatório de infertilidade apresenta os seguintes resultados dos exames complementares: ultrassonografia transvaginal sem anormalidades, histerossalpingografia com prova de Cotte positiva, dosagem hormonal da mulher sem anormalidades e espermograma não realizado. Frente ao caso devemos:

A
Indicar indução da ovulação.
B
Solicitar tomografia de sela túrcica.
C
Indicar fertilização in vitro.
D
Orientar quanto a necessidade da realização do espermograma.
E
Encaminhar a mulher para avaliação psicológica.
Sobre icterícia obstrutiva é incorreto afirmar:
Muher, jovem, casada, desempregada, procura atendimento com relato de episódios de curta duração de palpitação, sudorese, tremores, dor torácica e sensação de opressão há 6 meses, numa frequência de 1 episódio por semana. Está preocupada, pois tem ficado com medo de morrer. Evita sair de causa por causa dessas crises, o que a dificulta procurar um emprego. Nega tristeza. Nega outras preocupações. Nega história de doenças crônicas. Nega uso regular de medicações. Nega uso de álcool, drogas ilícitas e tabaco. Exame físico sem alterações significativas. A conduta adequada para esse paciente é:
Você recebe, no Pronto-Socorro, um recém-nascido, há 4 horas, de parto transvaginal domiciliar, com história de cianose e apneia que piora durante as mamadas, mas melhora quando a criança chora. O diagnóstico mais provável é:
No diagnóstico de sinusite na infância, em relação à Tomografia Computadorizada (TC), é correto afirmar que:
Compartilhar