Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Neonatologia

Doenças Respiratórias

Com base no Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde do Brasil para a região do Distrito Federal, assinale a opção incorreta.

A
O esquema básico no 1º ano de vida propõe: vacina anti-hepatite B e BCG intradérmico ao nascer; vacina anti-hepatite B com 1 mês de vida; vacina tetra, antipoliomielítica e antipneumocócica aos 2, 4 e 6 meses; vacina contra rotavírus aos 3 e 5 meses; vacina contra hepatite B e febre amarela aos 6 meses e tríplice viral (caxumba, rubéola e sarampo) aos 12 meses de vida.
B
Vacinas de bactérias ou vírus vivos atenuados não devem ser administradas em crianças com imunodeficiência congênita ou adquirida: ou com neoplasia maligna; ou em tratamento com corticosteroides em esquema imonusupressor.
C
Não contituem contraindicação geral à vacinação: doenças benignas comuns, com infecção de vias aéreas superiores ou diarreia aguda; desnutrição, mesmo que grave, desde que sem doença infecciosa grave; encefalopatia crônica não progressiva; prematuridade ou baixo peso ao nascer, exceto para a vacina BCG, que deve ser adiada para quando o peso for maior ou igual a 2.000 g.
D
Se, após 6 meses, a criança vacinada com a BCG em uma unidade de saúde de referência para imunização não apresenta cicatriz vacinal, essa criança deve ser revacinada sem necessidade de realização prévia do teste tuberculínico.
E
Em inquérito sorológico e marcadores virais para hepatite, um adolescente apresentará apenas o anti-HbsAg positivo, esse achado representará resposta do organismo à vacinação contra o vírus da hepatite B e não à infecção pregressa pelo mesmo agente.
São características da síndrome nefrótica, EXCETO:
Paciente de 66 anos previamente hipertensa e tabagista apresenta-se no serviço de emergência com febre e tosse produtiva há 2 dias. Ao exame, está prostrada, com PA 98/64 mmHg, FC 130 bpm, FR 32 mrpm e T 38,7 ºC. Apresenta ritmo cardíaco regular sem sopro e ausculta pulmonar com roncos e estertores crepitantes em base E. Abdome flácido, indolor, sem alterações e com edema +/IV bilateral em membros inferiores. Hemograma demonstra 22.540 leucócitos com 24% de bastonetes. Com apenas esses dados, qual a melhor definição para o quadro?
O diagnóstico de alergia respiratória é feito normalmente através de:
Jovem de 16 anos de idade, com dor aguda localizada na FIE, febre, calafrios, com ciclo menstrual regular, sugere o diagnóstico clínico de:
Compartilhar