Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Com relação à assistência ao trabalho de parto, assinale a CORRETA:

A
Controle de sinais vitais maternos no momento da admissão e a cada 120 minutos.
B
No segundo período deve-se auscultar BCF (batimentos cardíacos fetais) a cada 15 minutos durante o período expulsivo, imediatamente antes, durante e após a contração uterina.
C
A assistência ao terceiro período, o manejo ativo, consiste no emprego de ocitócitos após o desprendimento dos ombros, combinado com a tração controlada do cordão umbilical.
D
Na assistência ao quarto período, deve-se observar sinais vitais e sangramento. Se sangramento excessivo por hipotonia uterina, realizar massagem uterina e infusão de 100 a 150 U de ocitocina em 1000 ml de solução glicosada a 40 gts/min.
E
Partograma: utilizar somente para acompanhamento de pacientes em trabalho de parto prematuro. Registrar a curva de dilatação cervical com “X” e a curva de descida da cabeça fetal com “O”.
Mãe de paciente de 6 anos, masculino, procurou o otorrinolaringologista, encaminhada pelo pediatra, queixando-se que no último ano a criança vinha apresentando dificuldade de concentração na escola e queda do rendimento escolar. Tinha história ainda de roncos noturnos, respiração bucal de suplência e episódios de pausas respiratórias frequentes, durante o sono. Ao exame físico: fácies de respirador bucal. Otoscopia: OD = OE. Membrana timpânica opaca, retraída, com nível líquido e bolhas hidroaéreas. Tonsilas palatinas grau III. Exames complementares: Polissonografia: IAH: 10 eventos/h, SaO? mínima: 85%. Audiometria tonal: perda de audição condutiva bilateral, com diferença aereo-óssea média de 25 dB. Videonasofibroscopia: tonsila faríngea ocluindo 90% das coanas. Assinale a melhor conduta para o caso.
RN a termo, parto sem intercorrência, com 3 meses de vida, em consulta de rotina se observa hipotonia (não sustenta o pescoço). Segundo a mãe, há duas semanas vem com dificuldade para sugar o seio materno, hepatomegalia ao exame físico. O médico residente suspeita de erro inato do metabolismo. Qual exame abaixo confirma o diagnóstico?
Criança nascida de parto a termo, sem intercorrências, apresenta-se com cianose refratária ao uso de 02 com Fi02 a 100%. Dentre os achados clínicos, observa-se sopro cardíaco sistólico, com padrão de sobrecarga cardíaca esquerda e hemibloqueio anterior esquerdo. No RX há padrão de hipofluxo. Com os dados acima, qual a cardiopatia mais provável?
As crises convulsivas febris correpondem a um dos problemas neurológicos mais frequentemente observados na população pediátrica, sendo que de 2 a 5% das crianças neurologicamente saudáveis apresentarão pelo menos um episódio durante a infância. Qual das alternativas abaixo constitui uma afirmativa verdadeira sobre tal entidade nosológica?
Compartilhar