Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Com relação à doença do refluxo gastroesofágico, assinale a alternativa INCORRETA.

A
Para a definição histológica da presença de displasia em portadores de esôfago de Barret, é necessário o tratamento com inibidor de bomba de prótons em altas doses antes da biópsia.
B
O diagnóstico histológico de displasia de alto grau deve ser realizado por dois patologistas experientes em doenças gastrointestinais.
C
Os casos diagnosticados como “indefinidos para a presença de displasia”, com o mesmo diagnóstico após um curso de tratamento agressivo com inibidores de bomba de prótons por três meses, devem ser considerados como portadores de displasia de alto grau.
D
O esôfago de Barret pode ser definido como um segmento de metaplasia intestinal endoscopicamente visível, de qualquer dimensão.
E
A presença de refluxo biliar é um forte preditor para o desenvolvimento de esôfago de Barret.
Paciente de 10 anos após picada de inseto em face evoluiu após 24 horas com edema e vermelhidão em região de olho esquerdo. Ao exame físico edema e discreto eritema em pálpebra inferior esquerda, mobilidade ocular intrínseca e extrínseca normais, sem dor, visão preservadas e sem proptose. Identifique o diagnóstico e conduta mais adequada.
No tratamento do glaucoma primário de ângulo aberto (GPAA), é INCORRETO afirmar:
Durante avaliação médica, o pediatra identificou quadro de criptorquidia no bebê e realizou ultrassonografia com visualização de testículo direito e hérnia em canal inguinal. A conduta mais adequada é
Paciente, masculino, 79 anos, negro, ex-tabagista (2 maços/dia), sabidamente hipertenso há 7 anos em uso regular de Losartana 50mg, evolui com quadro de moderada dor em quadrantes inferiores do abdome, parestesia de membros inferiores e claudicação intermitente. A descrição do exame fisico do abdome que corrobora o diagnóstico de Aneurisma de aorta abdominal é de uma massa:
Compartilhar