Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Com relação aos mecanismos patogênicos e aos quadros clinícos causados por enterobactérias, assinalar a alternativa INCORRETA.

A
Vibrio cholarae causa diarreia toxigênica com grande perda de água e, principalmente, de sódio.
B
Escherichia coli enteropatogênica tem sua ação mediada por um enterotoxina.
C
Rotavírus predomina no inverno e tem sua ação patogênica neutralizada por vacinas.
D
Shigella causa quadro de colite com febre elevada, prolapso retal e crise convulsiva.
E
Salmonella desenvolve sua ação patogênica no íleo terminal e no cólon, invadindo o epitélio e disseminando-se para outros órgãos.
Criança de dois anos é atendida com quadro de infecção respiratória aguda. Segundo a mãe, o quadro teve início há dois dias, com tosse, coriza e febre. Exame físico: bom estado geral, ativa, hidratada, FR: 35 ipm, FC: 100 bpm, sem tiragem, roncos esparsos, hiperemia de orofaringe, otoscopia com membrana timpânica hiperemiada, translúcida e com movimentos. A conduta indicada é:
Um lactente de dois meses de vida apresentou crise convulsiva generalizada de curta duração associada à febre. Apesar de o episódio ter se repetido no dia seguinte, a família não se preocupou porque os dois outros filhos já tinham tido convulsões febris. Do ponto de vista neurológico, o mais provável é que se trate de convulsão:
Qual das cardiopatias congênitas não produz sobrecarga de volume?
Paciente proveniente de Goiás apresenta disfagia progressiva e perda ponderal. Reação de Machado-Guerreiro positiva. Realizado esofagografia que demonstrou dilatação do esôfago de 8 cm e retenção do contraste. É correto afirmar que:
Compartilhar