Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Considerando o quadro clínico de uma paciente de 28 anos de idade que possui nódulo tireoidiano de 1,5 cm com diagnóstico de carcinoma bem diferenciado, assinale a opção correta.

A
Se essa paciente tiver história de exposição à radiação, o principal diagnóstico será de câncer anaplásico de tireoide.
B
Devido à idade dessa paciente, o carcinoma folicular é o mais provável diagnóstico.
C
Na ausência de linfonodos cervicais palpáveis, essa paciente poderá ser submetida à nodulectomia tireoidiana.
D
Caso essa paciente seja portadora de carcinoma papilar, ela terá melhor prognóstico em relação aos outros tipos bem diferenciados.
E
A cintilografia de tireoide poderá esclarecer qual tipo de carcinoma que essa paciente possui.
São considerados rotadores internos do ombro, exceto:
Criança de 10 meses apresenta febre há 24 horas. Ao chegar ao pronto atendimento, a Tax é 37,8°C, com leve hiperemia da orofaringe, sem sinais de irritação no SNC, com demais dados do exame físico normais. A seguir, apresenta, logo após aumento rápido da temperatura para 38,8°C, crise convulsiva tônico-clônica generalizada, com duração de 4 minutos. Em relação a esta situação são apresentadas as seguintes assertivas: I. O risco de recorrência de crises convulsivas é maior devido à idade desta criança. II. A história familiar positiva para este tipo de crise reforça a hipótese diagnóstica. III. Nesta idade acontece o pico de ocorrência do 1º episódio deste tipo de crise. Qual é a alternativa CORRETA?
Paciente do sexo masculino, com 72 anos, dá entrada no PS com quadro de dor abdominal hipogástrica progressiva acompanhada de polaciúria. Não refere quadro semelhante pregresso. Ao exame fácies dolorosa, P.A.: 160/100 mmHg, F.C.: 100 bpm, afebril e massa palpável no hipogástrio. Estabeleça a conduta na urgência.
Em relação à possibilidade de doença do tecido conectivo, marque a alternativa CORRETA:
Compartilhar