Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Considerando os intervalos recomendados entre doses de vacinas, assinale a alternativa correta:

A
Vacinas de vírus não vivos podem ser administradas simultaneamente ou com qualquer intervalo entre doses
B
Vacinas de vírus vivos, se não forem administradas simultaneamente, devem respeitar um intervalo mínimo de sete dias entre as vacinas
C
Vacinas de vírus não vivos devem respeitar o intervalo mínimo de vinte e oito dias com vacinas de vírus vivos
D
Vacinas de vírus vivos podem ser administradas simultaneamente apenas com vacinas de vírus não vivos
Recém-nascido, a termo, filho de mãe diabética, parto vaginal, apgar 9/10 com bolsa rota há 3 dias. Líquido amniótico normal. Mãe não apresentava febre e tinha hemograma normal. Inicia quadro de hipoatividade e déficit de sucção com 48h de vida. Apresentava glicemia 50 mg/dl. Hemograma com 20.000 leucócitos com relação J/T de 0,20. Plaquetas 100.000 e presença de granulações tóxicas nos neutrófilos. A conduta neste paciente deve incluir:
Lactente 12 meses, sexo masculino, retorna ao ambulatório para reavaliação após introdução de ácido valpróico em dose mínima, devido a eventos paroxísticos caracterizados por mioclonias segmentares sem perda de consciência, numa frequência de 3 crises/semana. Apresenta desenvolvimento neurológico adequado para idade e seu exame neurológico é normal. Pai é portador de epilepsia. O videoeletroencefalograma mostra poliespícula-onda difusa e bilateral (durante os eventos clínicos já descritos) e a ressonância magnética de crânio é normal. O provável diagnóstico é:
Existem basicamente dois tipos de soluções para a reposição volêmica: coloides e cristaloides. O uso de cristaloides versus coloides na reposição volêmica do paciente grave tem sido motivo de controvérsia e debate por longos anos, sem uma conclusão definitiva até o momento. Sobre soluções para reposição volêmica, assinale a alternativa correta:
Lactente de 2 meses de idade, encaminhando com relato de crises convulsivas de difícil controle e microcefaleia. Mãe não realizou pré-natal. A tomografia computadorizada do encéfalo em corte axial mostrou calcificações periventiculares e microcefalia. Estas alterações são MAIS compatíveis com infecção congênita por:
Compartilhar