Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Dermatologia

Dermatologia

Considere as assertivas abaixo. I. Contagem de CD4, isoladamente, nunca define necessidade de tratamento com antiretrovirais. II. Candidíase oral em paciente HIV+ é marcador de imunosupressão severa e indica necessidade de tratamento com antiretrovirais. III. Tuberculose ganglionar é a apresentação extra-pulmonar mais frequente da tuberculose, e é a doença definidora da AIDS em pacientes HIV+. IV. Em pacientes HIV+ com meningite criptocócica, um LCR com baixa contagem de leucócitos prediz mau prognóstico. V. Hemiparesia de instação lenta em pacientes em HIV+ sugere de toxoplasmose cerebral. Escolha a opção correta:

A
I, II, IV e V estão corretas.
B
I, II, III e V estão corretas.
C
II, III, IV, V estão corretas.
D
II, III, IV estão corretas.
E
Todas estão corretas.
Em relação às fraturas pélvicas, assinale a alternativa INCORRETA.
Com relação aos quadros de Insuficiência Venosa Crônica de Membros, assinale a alternativa correta:
Do ponto de vista cirúrgico, o fígado é dividido em:
Indivíduo do sexo feminino, 50 anos, portadora de miocardiopatia dilatada idiopática familiar, em tratamento farmacológico otimizado com IECA (captopril 150 mg/dia), betabloqueador (carvedilol 50 mg/dia), espironolactona 25 mg/dia e diurético de alça (160 mg/dia). Queixa-se de palpitações ocasionais. Seu eletrocardiograma revela aumento do intervalo QT, depressão do segmento ST e da onda T e onda U evidente. Qual distúrbio eletrolítico pode estar envolvido no caso?
Compartilhar