Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

Considere uma paciente feminina, 60 anos, internada na Unidade de Terapia Intensiva há 3 dias, com choque séptico em pós-operatório de colectomia à Hartmann por peritonite fecal por diverticulite. Recebe antibioticoterapia, está em ventilação mecânica, com instabilidade hemodinâmica. O balanço hídrico acumulado dos 3 dias é 16.000 ml. Apresentava boa diurese, porém, há 6 horas, está anúrica. A sonda vesical não está obstruída. Qual das seguintes condutas é mais adequada?

A
Cistostomia.
B
Hemodiálise.
C
Peritoneostomia.
D
Diurético em dose alta.
E
Administração de coloides.
Em relação ao câncer inicial de mama, assinale a assertiva correta:
Em relação às neoplasias malignas da glândula tireoide, assinale a alternativa em que as lesões estão listadas em ordem crescente de agressividade:
Considere as assertivas abaixo sobre encefalopatia hepática. I - Asterixe e retardo psicomotor são manifestações características da doença, mas sua ausência não exclui o diagnóstico. II - Na insuficiência hepática crônica, a encefalopatia hepática pode ser subclínica, havendo apenas leve alteração de cognição. III - Sangramento gastrointestinal, ingestão excessiva de proteínas, constipação, desequilíbrios hidroeletrolíticos e infecções são fatores precipitantes da doença. Quais são corretas?
Gestante de 30 anos, com história de abortamentos de repetição e diagnóstico de crescimento intrauterino restrito na gestação atual, foi internada com quadro de acidente vascular cerebral isquêmico transitório e plaquetopenia. À investigação, identificaram-se vegetações não bacterianas em valva cardíaca. Qual o diagnóstico mais provável?
Compartilhar