Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

Considere uma paciente feminina, 60 anos, internada na Unidade de Terapia Intensiva há 3 dias, com choque séptico em pós-operatório de colectomia à Hartmann por peritonite fecal por diverticulite. Recebe antibioticoterapia, está em ventilação mecânica, com instabilidade hemodinâmica. O balanço hídrico acumulado dos 3 dias é 16.000 ml. Apresentava boa diurese, porém, há 6 horas, está anúrica. A sonda vesical não está obstruída. Qual das seguintes condutas é mais adequada?

A
Cistostomia.
B
Hemodiálise.
C
Peritoneostomia.
D
Diurético em dose alta.
E
Administração de coloides.
Uma adolescente de 15 anos, sexo feminino, procura atendimento queixando-se de amenorreia há 4 meses, obstipação crônica. Ao exame, o Índice de Massa Corpórea é igual a 14. O diagnóstico mais provável é:
A hérnia direta recorrente corresponde, na classificação de Nyhus para as hérnias da virilha, ao:
Com relação às infecções congênitas, é correto afirmar:
Homem de 64 anos encaminhado ao Ambulatório Médico de Especialidades (AME) com disúria, jato fraco e dor perineal contínua importante há quatro dias. O exame de urina tipo 1 revelou a presença de leucócitos > 100.000/campo. Proteinúria (-) e ausência de hemácias. O hemograma apresentou: Hb = 13,8 g/dl; HT = 41%; leucócitos = 13.100 mm³; neutrófilos = 77 (bastonetes 8%). O valor do PSA sérico foi de 48 ng/ml (colhido no mesmo momento da urina tipo 1). Qual a melhor conduta dentre as alternativas abaixo?
Compartilhar