Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Constituem causas de oligodrâmnio:

A
Diabetes mellitus, coriangioma, distrofia muscular e anemia fetal
B
Sífilis, transfusão fetal, anomalias cromossômicas e eclampsia
C
Anomalias fetais (genitourinárias), hipertensão arterial crônica e uso de indometacina
D
Poliúria fetal, hepatite fetal, diabetes mellitus e uso de indometacina
E
Estenose de esôfago, aneuploidias e apresentação pélvica
A alteração do ciclo menstrual é uma das principais causas de consulta ginecológica. Acerca desse tema, julgue o item subsequente. A hiperplasia e a hipertrofia das células da granulosa são importantes alterações histológicas identificadas na síndrome dos ovários policísticos.
A respeito de doenças sexualmente transmissíveis e de corrimento vaginal, julgue o item que se segue. A vaginose bacteriana é uma das causas mais frequentes de corrimento vaginal com odor desagradável. O teste de Whift (odor lembrando cheiro de peixe após adição de KOH a 10%) e a presença de clue cells no exame microscópico são critérios diagnósticos importantes. O tratamento de escolha é o metronidazol oral e tópico.
Acerca de assistência pré-concepcional e pré-natal, julgue o próximo item. A datação adequada da gestação é fundamental na assistência pré-natal. Para o cálculo da idade gestacional, considera-se a data da última menstruação e a idade gestacional estimada pela primeira ecografia, sendo a margem de erro da ecografia menor quando realizada em torno de 8 semanas.
Acerca do planejamento familiar e infertilidade conjugal, julgue o seguinte item. Os anticoncepcionais orais combinados contêm estrogênio e progestógeno em diferentes doses e esquemas posológicos. Constituem um grupo farmacológico que, além de excelente eficácia contraceptiva, auxilia na profilaxia de doenças sexualmente transmissíveis.
Compartilhar