Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Infectologia

Pneumologia

Doenças Respiratórias

Criança com 12 anos de idade apresenta quadro de coriza, dor de garganta, febre e tosse seca acentuada. No exame físico apresenta FR de 40 irpm e raros sibilos. Radiografia de tórax mostrou infiltrado intersticial nos campos médios dos dois pulmões com pequenas áreas de densidade homogênea. Assinale o item CORRETO:

A
Pneumonia pneumocócica. Deve ser tratada com penicilina benzatina por causa da idade e por apresentar quadro de infecção de leve gravidade.
B
Pneumonia por Chlamydophila pneumoniae. O tratamento de escolha é eritromicina.
C
Pneumonia por Mycoplasma pneumoniae. Prescrever azitromicina.
D
Pneumonia viral aguda que deve ser tratada com medicação sintomática.
Francisca Ribeiro, 26 anos, procurou a Unidade Básica de Saúde queixando­-se de febre alta, de início abrupto há três dias, com cefaleia intensa, mal­-estar, dor retro­-orbitária, náuseas, vômitos ocasionais e dois episódios de evacuações líquidas. Paciente na 29ª semana de gestação, sem sangramento por via vaginal. Durante a avaliação diagnóstica, o médico realizou o seguinte exame: com a paciente deitada, insuflou o manguito do esfigmomanômetro até 150mmHg por três minutos. A seguir, desinsuflou o manguito e, num quadrado de 2,5cm por 2,5cm, não observou nenhuma petéquia. Marque a opção ERRADA:
Durante as manobras de reanimação de um recém-­nascido na sala de parto, a avaliação da frequência cardíaca deve ser feita preferencialmente através de:
Durante uma apendicectomia por apendicite grau III houve contaminação grosseira da pele com secreção purulenta. O cirurgião optou por fechar a incisão nos planos musculares e aponeuróticos, iniciar antibioticoterapia e fazer curativos estéreis diariamente. Após 5 dias, ele realizou a síntese da pele. Qual o nome desse procedimento?
Mulher de 55 anos em uso crônico de anti-inflamatório não esteroidal apresenta quadro de hemorragia digestiva alta vultosa. Após a estabilização hemodinâmica, realizou endoscopia que mostrou úlcera na 1ª porção duodenal, na parede posterior, recoberta por grande coágulo. Neste momento foi tratada com injeção de adrenalina. A paciente permaneceu sob observação rigorosa, quando em menos de 24 horas apresentou hipotensão e enterorragia. Qual o procedimento melhor indicado para esta paciente?
Compartilhar