Questões na prática

Pediatria

Doenças Respiratórias

Criança com 2 anos e cinco meses chega ao Pronto-Socorro de Pediatria. Mãe relata que há 15 dias iniciou com tosse e coriza hialina. Há 3 dias iniciou com febre e piora da tosse, que se intensificava à noite. Refere também obstrução nasal e crostas em narinas pela manhã. Ao exame a criança mantinha-se em bom estado geral, eupneica com ausculta pulmonar normal. Oroscopia mostrava discreta hiperemia de orofaringe e gotejamento retronasal de secreção amarelada. Mãe negava passado de asma. Peso: 13kg. Qual a conduta mais adequada?

A
Orientar a mãe de que se trata de um resfriado comum. Prescrever antitérmicos e soro fisiológico em narinas.
B
Solicitar radiografia de seios paranasais visto que o quadro é sugestivo de sinusite bacteriana.
C
Iniciar com prednisolona oral e nebulização com soro fisiológico e broncodilatadores, visto que a tosse persistente é sugestiva de hiperreatividade brônquica.
D
Iniciar tratamento antibiótico com amoxicilina oral e instilação de soro fisiológico em narinas.
A violência contra a criança é um fenômeno complexo e atinge todas as classes sociais, raciais e culturais. Qual dos fatores abaixo, em princípio, não supõe risco para a criança?
São aspectos encontrados na Tetralogia de Fallot:
Na síndrome compartimental addominal assinale o item errado:
Na doença de Legg-Perthes ocorre:
Compartilhar