Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

Criança de quatro anos de idade, parda, acompanha regularmente em posto de saúde do seu bairro. Apresenta déficit pondero-estatural (abaixo do percentil 25) com vários tratamentos adequados para anemia, com sulfato ferroso, há dois anos. Dá entrada no Pronto Atendimento com dor intensa em MMII e edema de dorso de pés, pálida e prostrada. FC=123 bpm, PA=70/40 mmHg. O diagnóstico provável em relação ao caso é:

A
Osteomielite hematogênica aguda
B
Celulite estafilocócica
C
Anemia Falciforme
D
Esferocitose familiar congênita
E
Leucemia Aguda
Paciente de 8 anos dá entrada na Sala de Emergência trazido pelos pais por estar inconsciente, após crise convulsiva em casa. Você checa o pulso carotídeo e ele está presente, mas percebe a respiração irregular (frequência respiratória 6 inc/min). Iniciado suporte respiratório com dispositivo Bolsa Máscara Válvula (BMV) e instalada monitorização cardíaca. O ritmo cardíaco é sinusal, com frequência cardíaca de 50 bpm. Tempo de enchimento capilar de 4 segundos e pressão arterial de 60x40 mmHg. Qual a conduta CORRETA para este caso?
Criança do sexo masculino, de 1 ano e 2 meses de idade, deu entrada no pronto atendimento com história de evacuações escurecidas e de odor forte há 4 horas. A mãe dele negou dor, vômitos, febre, alterações cutâneas ou vacinação recente. Ela relatou ainda que a criança já havia apresentado 2 episódios de evacuações com grande quantidade de sangue, nos quais necessitou até de transfusão sanguínea. Qual é o diagnóstico?
Paciente na Unidade de Terapia Intensiva apresenta nível 5 na escala de sedação de Ramsay. Em qual estado ele se encontra?
Paciente de 80 anos, 80 kg, tabagista 40 anos/maço, vem ao ambulatório de cirurgia vascular com exame ultrassonográfico de abdome mostrando aneurisma de aorta abdominal infra-renal, fusiforme, de 7 cm de diâmetro. Tem histórico de gastrectomia aos 40 anos de idade. Submetido à avaliação pré-operatória, que mostrou: Cardiologia: BRNF S/S, PA 140 x 90, ECG: Sinusal, ECOCARDIO: FE 70%. Cintilografia miocárdica: Captação homogênea em VD e VE no repouso e no teste com dipiridamol. Pneumologia: RX tórax: trama vascular pulmonar preservada. Área cardíaca normal. Espirometria: Distúrbio obstrutivo leve. Laboratoriais: HCT 45%. HB: 14,5 g/dl. Anestesiologia: Malampati I. Quanto ao caso, a melhor opção seria o:
Compartilhar