Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

Das afirmações abaixo, qual a explicação menos provável para justificar uma resposta pobre na administração de ferro por via oral, no tratamento da anemia?

A
Perda sanguínea contínua.
B
Duração insuficiente da terapia.
C
Uso de antiácidos, bloqueadores histamínicos-2.
D
Inflamação crônica, neoplasia.
E
Verminose.
Uma criança de 7 anos deu entrada no HUGO com febre (39º C) e dor intensa localizada na região metafisária proximal da tibia direita. Apático, anorético e com grande dificuldade para deambular há 24 horas. Ao exame fisico: joelho direito com edema (2+/4+) sem derrame articular, com flexoextensão preservada, calor e rubor. Exames complementares: leucocitose com desvio para a esquerda e VHS aumentado. Radiografias normais. Qual é o provável diagnóstico?
Lactente 12 meses, sexo masculino, retorna ao ambulatório para reavaliação após introdução de ácido valpróico em dose mínima, devido a eventos paroxísticos caracterizados por mioclonias segmentares sem perda de consciência, numa frequência de 3 crises/semana. Apresenta desenvolvimento neurológico adequado para idade e seu exame neurológico é normal. Pai é portador de epilepsia. O videoeletroencefalograma mostra poliespícula-onda difusa e bilateral (durante os eventos clínicos já descritos) e a ressonância magnética de crânio é normal. O provável diagnóstico é:
Paciente feminina, de 53 anos, com história de diabetes, em uso de metformina, apresenta 4 meses de evolução de parestesia em mão direita, que acomete os 4 primeiros quirodáctilos e piora durante a noite. Apresenta força motora, reflexos e trofismo preservados. Tinel e Phalen positivos. Em relação ao caso, assinale a assertiva correta.
O diagnóstico de convulsão febril na infância é eminentemente clínico e, para tanto, alguns critérios devem ser considerados. Dos critérios abaixo, qual tem relação com convulsão febril?
Compartilhar