Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Neurologia

Das condições citadas abaixo qual a considerada com menor potencial para causar câncer gástrico?

A
Refluxo gastroesofágico.
B
Gastrectomia parcial - coto remanescente.
C
Gastrite crônica atrófica com metaplasia intestinal.
D
Ulcera péptica gástrica.
E
Adenoma viloso.
Com relação ao acesso vascular para nutrição parenteral, assinale a alternativa INCORRETA.
Heloísa, 24 anos, gesta III, para 0, aborto II (duas perdas fetais no 2º trimestre), atualmente na 34ª semana de gestação, procura a emergência com cólica, dores em membros inferiores e perda líquida há duas horas, sem sangramento. No exame obstétrico inicial, observa-se líquido amniótico claro e sem grumos saindo pela vagina. Nos membros inferiores nota-se trombose venosa profunda (TVP). A cardiotocografia realizada 1h após a internação evidencia padrão periódico, desaceleração da frequência cardíaca fetal, cujo intervalo de tempo entre o início da contração e o princípio da desaceleração é de 35 segundos com linha de base em 130 bpm. O padrão cardiotocográfico é DIP:
Um homem de 25 anos de idade procurou a unidade de emergência devido a importante redução da diurese. No exame físico, constatou-se pressão arterial de 110 mmHg x 70 mmHg e durante a inspiração profunda verificou-se que a pressão arterial sistólica era igual a 95 mmHg, frequência cardíaca de 98 bpm, turgência jugular a 45° (com aumento da pressão venosa central - PVC - durante a inspiração), ritmo cardíaco regular, com bulhas hipofonéticas e ruído sistólico semelhante a “ranger de couro novo” em borda external esquerda baixa, sem sopros, pulmões limpos, edemas de membros inferiores (+1/+4), com diurese de 24 horas igual a 80 mL. Resultados de exames laboratoriais: creatinina plasmática = 4,8 mg/dL, ureia plasmática = 110 mg/dL, sódio urinário = 80 mEq/L, osmolalidade urinária = 298 mOsm/kg, fração excretada de sódio (FENa) = 2,3%, potássio plasmático = 5,1 mEq/L. Foi solicitada a realização de eletrocardiograma (ECG) convencional. Considerando as informações apresentadas, julgue o item. Neste caso, a verificação de redução do nível da pressão arterial sistólica durante a inspiração constitui o pulso paradoxal, que, de fato, representa um fenômeno oposto ao que ocorre na fisiologia cardiovascular normal, qual seja, aumento da pressão sistólica durante o ato inspiratório.
Um paciente foi internado para investigação de dor abdominal crônica agudizada, com tomografia contrastada agendada após 3 dias. Trata-se de um paciente de 52 anos, sabidamente diabético há 5 anos, em uso de metformina 850 mg 3x/dia, sem complicações em órgãos-alvo do diabetes. Seus últimos exames de glicemia capilar pré-prandial foram: 250, 225, 192 e 200 mg/dl. A conduta médica correta é:
Compartilhar