Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Dermatologia

De acordo com o caso clínico abaixo, marque a alternativa que melhor define o quadro apresentado: Paciente do sexo masculino, 36 anos, natural de Cariacica-ES, compareceu ao ambulatório de dermatologia apresentando numerosas lesões tipo placa eritematosas, algumas eritemato-violáceas, infiltradas, com contornos internos bem definidos e externos mal definidos, centro com coloração de pele normal. Apresentava infiltração dos pavilhões auriculares. Relatou surgimento do quadro há alguns meses, porém o aparecimento súbito de nódulos eritematosos dolorosos acompanhados de sintomas gerais tipo febre e astenia o levaram a procurar atendimento. Apresentava teste de sensibilidade térmica alterado com hipoestesia.

A
o caso trata-se de um paciente com hanseníase dimorfa e deve ser instituída poliquimioterapia multibacilar com doze doses.
B
o caso trata-se de um paciente com hanseníase dimorfa em reação tipo II e deve ser instituída poliquimioterapia paucibacilar + corticoterapia.
C
o caso trata-se de um paciente com hanseníase virchowiana em reação reversa e deve ser instituída poliquimioterapia multibacilar + corticoterapia.
D
o caso trata-se de um paciente com hanseníase dimorfa com eritema nodoso e deve ser instituída poliquimioterapia multibacilar + talidomida.
E
o caso trata-se de um paciente com hanseníase virchowiana em reação tipo II e deve ser instituída poliquimioterapia paucibacilar + talidomida.
Um menino de 5 anos apresenta hemartrose de quadril e tem o diagnóstico de hemofilia A. As alterações nos testes laboratoriais que se esperam são:
Em relação à endometriose, é correto afirmar:
Criança de 10 anos chega a emergência, caminhando e com queixas de “coração acelerado”, de início súbito e há menos de uma hora. Está em bom estado geral, corado, orientado e com pulsos palpáveis. A frequência cardíaca no exame físico está acima de 200 bpm. O monitor da emergência mostra uma taquicardia com QRS estreito, RR regular, frequência fixa de 250 bpm, não se visualiza onda P. Saturação 98% em ar ambiente e pressão arterial não invasiva de 100 x 60 mmHg. Os seus passos inicias serão:
Você recebe um telefonema de uma mãe de uma criança de 4 anos de idade com anemia falciforme. Ela diz que a criança está respirando rápido, tossindo e tem temperatura de 40°C. Embora o paciente esteja com dificuldade respiratória, a falta de cianose indica:
Compartilhar