Questões na prática

Clínica Médica

Nefrologia

De cada 1000 ml de solução glicosada a 5%, infundida via parenteral, permanece no espaço intravascular cerca de:

A
500 ml
B
300 ml
C
200 ml
D
66 ml
E
34 ml
Mulher de 30 anos, sem doenças prévias, procura Pronto-Socorro de um hospital escola com quadro de diarreia aguda. O médico preceptor pediu aos 4 alunos que o acompanhavam que correlacionassem os aspectos epidemiologicos, clínicos e laboratorias com a provável etologia do quadro. O único aluno que ERROU disse que:
<P>Uma mulher de 31 anos apresenta quadro clínico sugestivo de pielonefrite. Sedimento urinário mostrou piúria e a urocultura crescimento de 10³ unidades formadoras de colônia/ml de Proteus mirabilis. A presença deste germe faz suspeitar de: </P>
Pré-escolar, 3 anos e 6 meses, é levado ao ambulatório com história de febre há 3 semanas associada à dor intensa em membro inferior direito, sem relato de trauma local. Ao exame físico, apresenta palidez cutâneo-mucosa, linfonodomegalia cervical indolor medindo cerca de 2 cm e esplenomegalia. O hemograma revelou anemia, leucopenia e plaquetopenia. A principal hipótese diagnóstica, neste caso, é:
Criança de 2 anos de vida, com diarreia mucossanguinolenta, começa a apresentar irritabilidade e redução da diurese. Ao exame, apresenta pressão arterial de 130/96 mmHg. Hemograma com hematócrito de 29%, com hemoglobina de 8 g/dl e fragmentos eritrocitários. Ureia sérica de 123 mg/dl, creatinina de 1,1 mg/dl. No 6º dia de evolução, começa com edema periférico e convulsão. O agente infeccioso mais provável neste caso é:
Compartilhar